Na década de 90 poucas foram as histórias em quadrinhos adaptadas com êxito no cinema. A melhor, embora desconhecida é, Timecop – O Guardião do Tempo (1994), filme inspirado na HQ de Mark Verheiden e desenhada por Phil Hester e Chris Warner, que apareceu na antologia de quadrinhos Dark Horse Comics.

Misturando ação e ficção científica, o longa foi dirigido por Peter Hyams e tem como protagonista o astro belga Jean-Claude Van Damme, que realiza aqui sua melhor performance. Foi nesse filme que o ator demonstra ser mais do que músculos e porradaria, dando personalidade e profundidade em seu personagem.

Na trama, quando a viagem no tempo é aperfeiçoada e pode ser utilizada com segurança, os criminosos se aproveitam dessa tecnologia para cometerem novos delitos. Um novo tipo de policiamento é criado para garantir que a invenção não seja usada de maneira abusiva. O policial Max Walker (Jean-Claude Van Damme), que trabalha nessa divisão, descobre que o político corrupto McComb (Ron Silver) quer usar a viagem no tempo para se tornar presidente. A perseguição começa quando o senador descobre que o policial esta em seu encalço para desmascara-lo.

Van Damme consegue unir sua eficiência nas sequências de ação com uma performance dramática nunca antes vista. Max Walker precisa lidar diariamente com a perda da esposa (Mia Sara), sabendo que pode recupera-la a qualquer momento se viajar no tempo e mudar os fatos que levaram a morte dela. Mas, ele tem consciência que a tecnologia não pode ser usada para benefício próprio. À medida que suas investigações se aprofundam, ele começa a perceber uma teia de episódios interligados em sua vida e na data da morte da esposa.

O sucesso de Timecop foi tamanho que em 1995 ganhou um game para o Super Nintendo. Em 1997, a ABC encomendou uma série de TV, que durou apenas nove episódios. Contudo, a esperada sequência estrelada por Van Damme jamais aconteceu, mas em 2003 um filme para DVD foi lançado intitulado Timecop 2: The Berlin Decision, estrelado por Jason Scott Lee.

Timecop pode ser encontrado em DVD e Blu-ray nas melhores lojas. Um filme que merece que estar na prateleira.

Comentários

Notícias relacionadas