Contra todas as probabilidades - alta

Antes de mais nada, me apaixonei pela capa de Contra Todas as Probabilidades do Amor. Colorida e com tons lindos de roxo, o livro chama atenção apenas por estar na prateleira. Entretanto, o recebi durante o encontro da Aliança de Blogueiros do Rio de Janeiro. O projeto visa reunir pessoas que assim como eu, sentem amor por livros. A trama de Rebekah Crane se tornou mais um daqueles exemplos que servem para nos lembrar de tal amor. Descrito de forma suave e orgânica, Contra Todas as Probabilidades do Amor nasceu para ser adaptado para o cinema. A medida em que as palavras passavam diante dos olhos, o leitor consegue criar todo o cenário na imaginação. Mesmo que não seja uma clássica história com início, meio e fim, a trama me conquistou. E é por isso que hoje ela está no Ler é Bom, Vai!

Sinopse

Sejam bem-vindos ao acampamento Pádua. Um retiro de verão para adolescentes problemáticos. Mas não se tratam de problemas comuns, como não querer estudar, mentir ou colar na prova. Não! Estamos falando de problemas reais. Alguns deles tão grandes, tão sérios, que até um adulto desmoronaria sob o peso deles. No acampamento, Zander, uma garota enviada pelos pais contra a sua vontade, encontra uma série de adolescentes na mesma situação, e com três deles ela estabelece uma relação de amizade — Grover, Alex e Cassie. Todos os quatro são tão diferentes quanto as pessoas podem ser, mas têm algo em comum — eles estão quebrados por dentro.

Em meio às sessões de grupo e, à medida em que o verão dá as caras, os quatro revelam seus trágicos segredos. Mas, antes, ela precisa lidar abertamente com seus problemas, para poder juntar seus pedaços e reconstruir sua vida.

O Livro

Zander está sofrendo, mas se recusa a admitir o motivo para tal. Embora esteja em um acampamento para jovens “problemáticos”, ela insiste no fato de que seus pais a matricularam sem uma razão específica. Do lado de fora ela é uma típica menina da sua idade. Enquanto era uma das melhores alunas da escola, Zander também se destacou nos esportes, ganhando diversas competições de natação. Por fim, ela namora um jogador de futebol do colégio. Normal, não? Pelo contrário, afinal, não devemos jogar um livro pela capa. Por dentro, a menina sofre mais a cada dia e guarda todos seus sentimentos dentro de si. Em Contra Todas as Probabilidades do Amor, percebemos que nem sempre os problemas estão bem na nossa frente.

Contra Todas as Probabilidades do Amor
Divulgação/Faro Editorial

Quando chega no Acampamento Pádua, ela passa a conviver com todos os tipos de jovens e seus problemas. Não apenas conhecemos adolescentes com deficiências físicas, como também psicológicas. Zander logo se torna amiga de Cassie, uma menina geniosa que sofre de anorexia, tomando pílulas para emagrecer com frequência. Além dela, a garota encontra refúgio em suas conversas com Groover e Alex, dos meninos de grande coração marcados por tragédias familiares. Juntos, os quatro encontram maneiras de passar por seus problemas da melhor maneira possível. Acima de tudo, porém, percebem que não o farão sozinhos. Diferente do que pensavam, a resposta para suas dúvidas não estavam em suas cabeças, mas sim nas ações externas.

O Que Achamos de Contra Todas as Probabilidades do Amor?

Antes de mais nada, Contra Todas as Probabilidades do Amor é um livro extremamente importante. A trama aborda assuntos frequentemente presentes entre jovens. Não apenas a saúde emocional dos personagens é abordada, como também o comportamento dos adultos perante as dificuldades dos mais novos. Dependendo do estado mental em que o leitor esteja, o livro de Rebekah Crane poderá ser de grande auxílio. Não pense que esta é uma obra de autoajuda, monótona e cheia de protocolos. Em contrapartida, a autora encontrou uma maneira de passar belas mensagens através de uma história bonita de amizade.

Uma vez que a trama se passa entre a vida de um grupo de adolescentes, Crane optou por um vocabulário fácil em seu livro. Por consequência, uma vez iniciada a leitura, será praticamente possível pará-la antes do fim. Devorei Contra Todas as Probabilidades do Amor em um único dia! Como já mencionado antes, esta não é uma história de início, meio e fim. A autora simplesmente nos narra um momento na vida de Zander, que acaba tendo um resultado muito positivo para ela. Através da forma como Crane desenvolve seus personagens a perfeição, conseguimos entender exatamente aquilo pelo que estão passando. É essencial entendermos o background de cada um para enfim entendermos sua participação nos problemas de Zander.

Em suma, Contra Todas as Probabilidades do Amor é um livro lindo e importante para a juventude dos dias atuais. Certamente uma leitura recomendada para todas as idades!

 

Comentários

Notícias relacionadas