Capitã Marvel é a primeira heroína do MCU que ganha filme solo e chegou batendo recordes. No mercado estadunidense, o longa estrelado por Brie Larson alcançou a marca dos US$ 153 milhões no primeiro final de semana e já soma um total de US$ 455 milhões no mundo.

Com ótimo resultado inicial pelo mundo, Capitã Marvel se tornou a maior estreia de um filme estrelado por uma mulher. O posto antes pertencia A Bela e a Fera, que havia arrecadado US$ 357 milhões.

A história se passa na década de 1990, com Carol Danvers (Brie Larson) se tornando um dos seres mais poderosos do universo, enquanto a Terra se encontra no meio de uma batalha entre duas raças alienígenas. O filme será uma nova aventura, trazendo uma sensação diferente do que os fãs passaram a conhecer no Universo Cinematográfico Marvel.

Crítica | Capitã Marvel brilha no empoderamento feminino

Samuel L. Jackson (Nick Fury), Gemma Chan (Doutora Minerva), Lashana Lynch, Ben MendelsohnJude Law, Algenis Perez Soto, Rune Temte e McKenna Grace também estão no elenco. Outra novidade é o retorno de Clark Gregg ao MCU. O ator reprisará o papel do Agente Phil Coulson, presente na Fase 1 do universo cinematográfico. Além de Gregg, Djimon Hounsou e Lee Pace também estarão de volta como Korath e Ronan de Guardiões da Galáxia.

Capitã Marvel estreou em 07 de março de 2019. Anna BodenRyan Fleck (Parceiros de Jogo) dirigem a partir do roteiro reescrito por Geneva Robertson-Dworet (Tomb Raider).

Comentários

Notícias relacionadas