Crítica | A história contada em Cartas Para Um Ladrão de Livros

Laéssio Rodrigues de Oliveira. Caso tente jogar esse nome em qualquer ferramenta de busca, encontrará notícias não muito animadoras. Conhecido como o maior ladrão de livros raros do país, ele já foi preso cinco vezes, sendo a última em outubro de 2017. Qualquer pessoa o condenaria, julgaria e criticaria, sem antes conhecer sua história. Enquanto …