Sem dúvidas, assim como Game of ThronesWestworld tornou-se um fenômeno! Com apenas uma temporada, os fãs foram capazes de criar diversas teorias sobre o que realmente se passa na trama. Depois da tomada de consciência de alguns dos anfitriões, como Maeve e Dolores, que atirou em convidados da Delos, empresa dona do parque, durante uma festa, outras questões foram levantadas.

Westworld estreia sua segunda temporada, neste domingo (22) às 22 horas na HBO, com transmissão simultânea com os Estados Unidos! Aproveitando o retorno, listamos as teorias mais populares dos fãs:

Dr. Ford fez um anfitrião de si mesmo, virando uma de suas criações

“Mozart, Beethoven e Chopin nunca morreram. Eles simplesmente viraram músicas”. Será que Theresa viu uma cópia de Ford sendo feita? Teremos mais Anthony Hopkins?

A revolução dos robôs pode estar programada em uma narrativa

revolução dos robos em westworld

Muitos fãs acreditam que os robôs ainda estão sendo controlados e que o despertar de suas consciências foi planejado.

Na luta humanos x anfitriões, dolores pode se tornar a grande antagonista

Westworld 3ª temporada

Ao conquistar sua consciência, Dolores parece acreditar que “somos nós ou eles” em relação aos humanos. Na busca por vingança, ela é capaz de mandar bala em tudo e todos que aparecerem em seu caminho.

Será que os humanos do parque são anfitriões?

Westworld 2ª temporada

Eles teriam suas consciências transferidas temporariamente para robôs, o que transformaria a experiência dos visitantes e dos funcionários de Westworld em realidade virtual.

Talvez tudo isso faça parte de um grande plano de Ford.

Teorias de Westworld

Para os fãs, a última narrativa do cientista continua mesmo após a sua morte. Seu objetivo seria a sobreposição dos anfitriões à raça humana. Por isso ele mesmo teria virado um anfitrião.

Teorias de Westworld retiradas do material original da HBO:

As teorias de Westworld 2ª temporada
As teorias de Westworld 2ª temporada

Sobre Westworld: Em um parque temático, visitantes mergulham num universo em que qualquer desejo pode ser realizado por robôs cuidadosamente programados. Algumas dessas máquinas, no entanto, desviam-se do padrão de programação com comportamentos anormais.

Comentários

Notícias relacionadas