Ministério da Cultura divulgou hoje (10) que o drama Que Horas Ela Volta? será o representante do Brasil por uma vaga no Oscar na categoria Melhor Filme Estrangeiro. As informações são do Uol.

O longa de Anna Muylaert vem conquistando a crítica nacional e internacional, com prêmios no Festival de Sundance e na mostra Panorama do Festival de Berlim.

Na trama, depois de deixar a filha no interior de Pernambuco e passar 13 anos como babá do menino Fabinho em São Paulo, Val (Regina Casé) tem estabilidade financeira mas convive com a culpa por não ter criado sua filha Jéssica (Camila Mardila). Às vésperas do vestibular do menino, no entanto, ela recebe um telefonema da filha que parece ser sua segunda chance. Jéssica quer apoio para vir a São Paulo prestar vestibular. Com alegria e ao mesmo tempo apreensão, Val prepara a tão sonhada vinda da filha, apoiada por seus patrões. Mas quando Jéssica chega, a convivência é difícil. Ela não age dentro do protocolo esperado para ela, o que gera tensão dentro da casa. Todos serão atingidos pela autenticidade de sua personalidade. No meio deles, dividida entre a sala e a cozinha, Val terá que achar um novo modo de vida.

O último filme brasileiro a conseguir uma indicação na categoria foi Central do Brasil (1999), longa de Walter Salles, que também conseguiu uma indicação de Fernanda Montenegro na categoria de melhor atriz.

Os indicados ao Oscar 2016 serão revelados em 14 de janeiro. Em dezembro, será divulgada uma lista com os finalistas de Melhor Filme Estrangeiro.

Comentários

Notícias relacionadas