Pouco mais de uma semana após Linsay Lohan começar uma campanha em suas redes sociais para interpretar a Batgirl, a atriz publicou em seu Twitter um lembrete de que ela ainda está em busca da oportunidade de pegar o papel de Barbara Gordon. Aos 31 anos de idade, Lindsay Lohan já tem longa história em Hollywood, desde os dias de atriz mirim no aclamado clássico da Disney Operação Cupido até seus dias de adolescente nas telas em Sexta-feira Muito Louca e Meninas Malvadas. A partir desse ponto sua carreira tem sido uma série de altos e baixos, tendo críticas positivas em filmes como A Última Noite e Bobby e problemas com a lei fora das telas que transformou a atriz em matéria dos tabloides.

Com seus créditos cinematográficos caindo cada vez mais nos últimos cinco anos (apesar de ter um papel regular na série britânica Sick Note), Lohan tem tentado recuperar sua carreira e deixou claro no começo do mês que ela está mirando alto. Em seu Twitter, ela marcou Joss Whedon em uma publicação declarando seu interesse em interpretar Batgirl, o que acabou atraindo bastante a atenção dos usuários da rede social.

Agora, nove dias depois, Lohan voltou a falar sobre Batgirl em mais uma publicação, dessa vez com uma foto dela ao lado de uma ilustração da famosa heroína da DC. Ao contrário da primeira publicação, essa não tinha mensagem nenhuma para seguidores ou para Whedon, dessa vez ela quis deixar a imagem dela e da Batgirl/Barbara Gordon falar por si só.

É difícil dizer se Whedon a consideraria para interpretar a Batgirl, especialmente porque ele já expressou que está considerando contratar alguma atriz desconhecida para o papel. E enquanto elas não são exatamente desconhecidas ou mesmo atrizes inexperientes, as chances de selecionar a indicada ao Oscar por Bravura Indômita, Hailee Steinfeld (que já demonstrou interesse no papel) ou a atriz Jane Levy de A Morte do Demônio (que tem apoio online para conseguir o papel) são muito maiores do que de escolher alguém como Lohan.

Não que Lohan não tenha talento – seus trabalhos passados mostram que ela tem sim – é só que Whedon tem sido alvo de criticas por seu jeito por trás das cenas de Liga da Justiça (e dos rumores de que ele não iria mais dirigir Batgirl), então contratar alguém controverso como Lohan é o tipo de atenção que ele e a DC podem estar tentando evitar.

Outra coisa a ser considerada é a motivação de Lohan para continuar com a campanha para ser Batgirl. Se ela pudesse voltar no tempo para antes de todos os problemas, talvez a ideia de ser Batgirl pudesse se tornar realidade. Mas agora ela pode aproveitar e usar a atenção e comoção que está causando ao demonstrar interesse pelo papel e voltar aos radares de outros diretores em Hollywood. Afinal, qualquer atenção no mundo do cinema, desde que seja positiva, é uma coisa boa.

Comentários

Notícias relacionadas