No ano passado, Jared Leto dividiu a audiência do Universo Estendido DC quando fez uma versão bastante única do Coringa no filme Esquadrão Suicida.

Apesar do filme ter sido um sucesso de bilheteria e ter feito mais de 745 milhões de dólares pelo mundo, grande parte da audiência não gostou da versão de Leto para o Príncipe Palhaço do Crime. Muitos ficaram se perguntando se Leto concordava com as críticas, mas o ator disse em entrevista ao Syfy Wire porque ele nunca foi capaz de comentar sobre o assunto.

“Assim que você assiste é quando tudo se torna subjetivo. Eu acho que assistir seus próprios filmes pode ser constrangedor. Ou você gosta do que fez e está propenso a repetir aquilo, ou você não gosta e isso pode te deixar constrangido. Eu não sei se é muita vantagem para mim. Mas eu leio os roteiros, então eu sei o que vai acontecer”

Leto é ator há muitos anos e é compreensível que ele não goste de ficar vendo seus próprios trabalhos, apesar de ter admitido ter visto Réquiem para um Sonho e de ter dito que verá Blade Runner 2049 assim que tiver tempo.

Sobre seu papel em Esquadrão Suicida, o trailer sugeriu que o Coringa seria o principal dos vilões do grupo formado por Amanda Waller (Viola Davis), mas quando o filme finalmente chegou aos cinemas, ele claramente não teve tanto destaque assim. O Coringa foi apenas um coadjuvante, apenas apresentado ao público, mas sem realmente fazer parte da ação.

Apesar das críticas, Leto tem intenção de voltar ao seu papel de Coringa. É muito provável que ele esteja em Esquadrão Suicida 2 e Sereias de Gotham.

Comentários

Notícias relacionadas