A Disney tem tido muito sucesso com seus remakes live action dos clássicos animados, então é óbvio que o estúdio vai investir em muito mais desses filmes. Em 2017, A Bela e A Fera arrecadou mais de 1 bilhão de dólares em bilheteria mundial e Mogli: O Menino Lobo teve ótima críticas em 2016, além de arrecadar impressionantes $966 milhões pelo mundo. Cinderela, Malévola e Meu Amigo, O Dragão também foram grandes sucessos. Inicialmente a ideia da Disney refazer quase todo o seu catálogo anterior era preocupante, mas agora a maioria de nós está ansiosa para ver nossos personagens favoritos novamente. O que é bom, já que a Disney tem atualmente incríveis 17 remakes live action saindo do forno.

Nós já vimos os trailers de Christopher Robin, o filme sobre o melhor amigo do Ursinho Pooh que está todo crescido e sendo interpretado por Ewan McGregor (Trainspotting) e também de Dumbo, uma nova versão da história do bebê elefante de orelhas enormes. Além desses filmes, mais de uma dúzia de remakes, derivados e sequências estão em vários estágios de desenvolvimento. Confira a lista preparada pelo Screen Rant que nós traduzimos e adaptamos para vocês.

Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível

Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível chega aos cinemas ainda no meio do ano e apesar de não ser um remake, está entrando para a lista porque está trazendo personagens conhecidos das animações para uma versão live action.

Christopher Robin, um adulto imerso em sua vida de trabalhador, esquece sobre seus amigos da infância no Bosque dos 100 Acres – mas eles não se esqueceram de Christopher. O trailer de Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível é mágico e definitivamente parece ser um daqueles filmes perfeitos para ver com toda a família. Ewan McGregor estrela como Christopher Robin e Hayley Atwell (Agent Carter) interpreta sua esposa Evelyn. Marc Forster (Guerra Mundial Z) dirige o roteiro de Alex Ross Perry (Cala a Boca Philip) e Allison Schroeder (Estrelas Além do Tempo).

Dumbo

Um remake de Dumbo já havia sido anunciado em 2014, os detalhes ficaram perdidos por algum tempo, mas agora finalmente sabemos que o filme chegará aos cinemas no inicio de 2019. Nas semanas recentes, nós tivemos uma pequena prévia do filme na forma de um teaser e do pôster. Parece que será um daqueles filmes que aquece nossos corações e também parece ser uma revisão total da história original apresentada na animação da Disney. Não vemos animais falantes e os humanos parecem ter papeis muito maiores. Dumbo, é claro, continua muito fofo. Tim Burton (Edward Mãos de Tesoura) é o diretor e o roteiro foi escrito por Ehren Kruger (A Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell). No elenco temos Colin Farrell (O Lagosta) como Holt, Eva Green (O Lar das Crianças Peculiares) no papel de Colette, Danny DeVito (Matilda) como Max Medici e Michael Keaton (Homem-Aranha: De Volta ao Lar) na pele do vilão V.A. Vandevere.

Aladdin

O Segundo remake live action da Disney que será lançado em 2019 é baseado em uma das animações mais queridas do público: Aladdin.

A nova versão será dirigida por Guy Ritchie (Rei Arthur: A Lenda da Espada) e será musical, trazendo duas novas canções dos compositores de O Rei do Show Pasek and Paul. Não há motivos para não acreditar que essa versão musical dará certo, já que a história de Aladdin foi contada na forma de musical na Broadway e no West End. Porém o remake já passou por várias questões que enfureceram os fãs, entre elas o embranquecimento dos personagens e também a escolha da pessoa por trás do Gênio.

Mena Massoud (Open Heart) ficou com o papel título e Naomi Scott (Power Rangers) será a Princesa Jasmine. As gravações terminaram em janeiro, então em breve devem ser lançados teasers e pôsteres do filme.

O Rei Leão

Outro favorito da Disney que vai ganhar uma versão live action em 2019 é O Rei Leão. O filme será dirigido por Jon Favreau (Homem de Ferro), diretor que obteve muito sucesso com sua versão de Mogli: O Menino Lobo. E assim como em Mogli, O Rei Leão não será tecnicamente live action, mas sim imagens geradas por computador.

Donald Glover (Han Solo: Uma História Star Wars) fará a voz de Simba, Seth Rogen (É o Fim) de Pumba e Billy Eichner (Parks and Recreation) de Timão. Chiwetel Ejiofor (12 Anos de Escravidão) será Scar, John Oliver (The Daily Show) será o pássaro Zazu, Beyoncé dará voz a Nala e James Earl Jones volta ao seu papel como Mufasa. Hanz Zimmer ficou por trás da trilha sonora, que tem uma parceria entre Beyoncé e Elton John incluída.

Mulan

O primeiro dos remakes que vai chegar aos cinemas em 2020 será mais um grande sucesso da Disney. Mulan já teve alguns atrasos – inicialmente seria lançado em 2018, então foi adiado para 2019 e então mais uma vez para 2020, mas agora parece que é a data final. Niki Caro (O Zoológico de Varsóvia) será a diretora do filme musical. O elenco é todo composto por atores asiáticos: Yifei Liu (O Reino Proibido) ficou com o papel da heroína que dá título ao longa, Jet Li (Herói) será o Emperador, Donnie Yen (Rogue One: Uma História Star Wars) ficou com o papel do Comandante Tung e Yoson An (O Tigre e o Dragão: A Espada do Destino) será Chen, o interesse amoroso de Mulan. O personagem Li Shang, que era o interesse amoroso de Mulan na animação não existirá no filme, apesar do personagem de An parecer bastante similar.

Malévola II

Agora temos uma sequência, Malévola II dará continuidade ao aclamado Malévola de 2014 – filme que recontou a história da Bela Adormecida pelo ponto de vista da vilã. Angelina Jolie (Primeiro, Mataram o Meu Pai) voltará ao papel de Malévola – um que ela interpretou com grande prazer da primeira vez. Também estarão de volta Elle Fanning (Demônio de Neon) como Aurora, Imelda Staunton (Acertando o Passo), Juno Temple (Amaldiçoado) e Leslie Manville (Trama Fantasma) como as fadas madrinhas e Sam Riley (Orgulho e Preconceito e Zumbis) como Diaval.

Malévola II se passará alguns anos após os eventos do primeiro filme, agora Aurora se tornará rainha e tentará fazer uma aliança com Malévola. Teremos alguns personagens novos na sequência, entre eles Michelle Pfeiffer (Homem-Formiga e a Vespa) como a Rainha Ingrith, Ed Skrein (Deadpool) como um dos vilões e há rumores de que Chiwetel Ejiofor (Doutor Estranho) fará um possível interesse romântico de Malévola. Joachim Rønning (Expedição Kon Tiki) será o diretor e o roteiro foi feito por Linda Woolverton (Alice no País das Maravilhas), Micah Fitzerman-Blue (A Vida em Motéis) e Noah Harpster (As Delícias da Tarde). As gravações de Malévola II já começaram no Pinewood Studios, mas o filme ainda não ganhou uma data de lançamento.

Pinóquio

Existem conversas sobre uma versão live action de Pinóquio há anos e em algum ponto Sam Mendes (007 – Operação Skyfall) acabou sendo escolhido para dirigir o filme. Agora tudo mudou e Pinóquio será dirigido por Paul King (Paddington). Jack Thorne, conhecido por escrever Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, deverá reescrever a primeira versão do roteiro feita por Pete Hedges (Irmã) e Chris Weitz (Um Grande Garoto). Ainda não foi escolhido nenhum ator para o elenco, também não foi definida nenhuma data de lançamento, mas estão dizendo que a produção começa no final de 2018. Se for o caso, podemos esperar ver Pinóquio nos cinemas no final de 2020.

Oliver!

Tecnicamente não é um remake live action, já que Oliver! é um musical com humanos. A Disney deu seu próprio toque nas coisas em 1988, quando transformaram Oliver em um pequeno gato laranja e nos deram Oliver e sua Turma. Esse remake não será sobre felinos, mas uma versão do conto de Charles Dickens, com um toque de hip hop. Ainda não temos muitos detalhes, mas Ice Cube (Straight Outta Compton: A História do N.W.A.) será um dos produtores e também fará o papel de Fagin, Danny Strong (Empire: Fama e Poder) está escrevendo o roteiro. O filme já tem um diretor escalado, Tommy Kail (Hamilton) e Marc Platt (La La Land) será mais um dos produtores. Oliver! ainda não tem data de lançamento definida.

O Príncipe Encantado

A Disney anunciou em 2015 que fariam um filme live action baseado na vida do Príncipe Encantado – o amor verdadeiro da Cinderela, do qual não sabemos muito sobre a vida. Tivemos pouquíssimas informações sobre o desenvolvimento do filme até agora, a única notícia foi que Stephen Chbosky (A Bela e a Fera) irá escrever e dirigir o longa e que, apesar de ser um filme sobre o Encantado, a história será contada sob o ponto de vista de seu irmão. Dado o sucesso de Malévola, essa pode ser uma estratégia interessante.

Mogli: O Menino Lobo 2

Não é surpresa alguma a Disney considerar uma sequência para o filme que foi aclamado pela critica e que arrecadou altos valores em bilheteria. Apesar disso, Mogli: O Menino Lobo 2 não deve chegar aos cinemas tão cedo. O diretor Jon Favreau irá voltar, mas no momento ele está focado em O Rei Leão. Dado que o processo para fazer esse filme é bastante complicado, teremos que aguardar um bom tempo, mas a Disney afirma que o projeto já está em andamento. O filme deverá se aprofundar mais no trabalho de Rudyard Kipling e também usar algumas ideias que foram descartadas na versão animada produzida em 1967.

Cruella

Emma Stone (La La Land: Cantando Estações) já está escalada para o remake de 101 Dálmatas, que será contato sob o ponto de vista da vilã Cruella DeVil. Basicamente é o que tem confirmado sobre o filme até agora. Segundo rumores, o longa pode se passar durante os anos 1970 em Londres. No momento, o roteiro está sendo reescrito.

A Dama e o Vagabundo

A Dama e o Vagabundo certamente é uma das animações que merecem ganhar uma versão live action. O clássico de 1955 é fofo e adorável, mas muitas vezes ignorado. A Dama e o Vagabundoé uma das apostas da Disney para lançar em seu futuro serviço de streaming. Charlie Bean (Lego Ninjago: O Filme) foi escolhido para dirigir o remake. O filme será uma mistura de live action e efeitos computadorizados e ainda não tem data de lançamento definida.

A Espada Era a Lei

A Espada Era a Lei é mais um filme em versão live action que será lançado diretamente no serviço de streaming da Disney. A Disney tem a intenção de lançar entre quatro e cinco filmes originais por ano em sua nova plataforma e por isso está considerando fazer algumas novas versões de filmes de seu extenso catalogo. A Espada Era a Lei começará a ser rodado na Irlanda em setembro de 2018 e Juan Carlos Fresnadillo (Extermínio 2) será o diretor.

Sininho

Se Malévola e Cruella podem ganhar seus próprios filmes, então porque a queridinha do publico Sininho não pode ter um filme solo também? Sininho está sendo desenvolvido há algum tempo e algumas atrizes já foram consideradas para o papel da fada, entre elas Elizabeth Banks e Reese Witherspoon, mas por enquanto não há nada confirmado.

Peter Pan

David Lowery fez um ótimo trabalho em Meu Amigo, O Dragão, então a Disney confiou nele para fazer Peter Pan. O primeiro filme do garoto que não cresce foi lançado em 1953 e desde então foram feitas novas versões, mas parece que agora Lowery trará de volta o conto clássico e o transformará em uma aventura que tem potencial para ser muito divertida.

A Pequena Sereia

A Pequena Sereia está em pré-produção há algum tempo. Rob Marshall (Caminhos da Floresta) deverá ser o diretor – ele trabalhou recentemente com a Disney em O Retorno de Mary Poppins, que chegará aos cinemas no final do ano. A Pequena Sereia também deve conter músicas de Alan Menken (que fez as canções da animação A Pequena Sereia) e Lin Manuel Miranda (Moana: Um Mar de Aventuras). Ainda não temos informações sobre data de lançamento ou atores ligados ao projeto.

Branca de Neve

Tudo estava quieto em relação ao remake de Branca de Neve até alguns meses atrás, quando começaram os rumores de que a Disney teria convidado Brie Larson (Capitã Marvel) para o papel de Rosa Vermelha, a irmã da Branca de Neve – que será o foco da nova versão. O filme deve se passar alguns momentos após Branca de Neve morder a maçã envenenada, deixando Rosa com a missão de encontrar uma cura ao lado dos Sete Anões. Porém, nada confirmado ainda, estamos aguardando um pronunciamento da Disney.

Comentários

Notícias relacionadas