A franquia Hotel Transilvânia se tornou uma trilogia com a chegada de Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas. O primeiro filme da trilogia da Sony Pictures Animation chegou como uma versão menos emotiva que os filmes da Pixar e mais memorável que as da Illumination, com personagens engraçados, amigáveis e muitas vezes comoventes.

Em 2012 conhecemos o Conde Drácula, o proprietário do Hotel Transilvânia – um hotel cinco estrelas onde monstros do mundo todo podem se refugiar para se esconderem dos seres humanos. Lá se hospedam alguns monstros famosos como o Frankenstein e sua mulher Eunice, a múmia Murray, Wayne e Wanda Lobisomem e a Bolha, o Pé-Grande e Griffin, o Homem Invisível. Todos eles se reúnem para comemorar o aniversário de 118 de Mavis, a filha do conde Drácula. Mavis quer conhecer o mundo, mas Drácula arma uma farsa para convencê-la de que o mundo cheio de humanos é perigoso, porém isso acidentalmente leva o humano Johnny para dentro do hotel. Depois de muitas confusões, Mavis e Johnny se apaixonam, mas o rapaz percebe que não é bem-vindo no mundo dos monstros e deixa o hotel, fazendo com que Mavis fique com o coração partido. Drácula consegue trazer Jonathan de volta e o casal acaba junto.

Apesar das críticas não muito boas, o filme agradou o público, principalmente as crianças e em 2015 o filme ganhou uma sequência. Em Hotel Transilvânia 2, Mavis e Johnny tem seu primeiro filho, Dennis. Drácula fica preocupado com a possibilidade de o neto ser um humano e passa a submete-lo a testes para virar um vampiro de verdade enquanto Mavis e Johnny aproveitam as férias.

Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas

Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas chega mantendo o mesmo estilo dos dois primeiros filmes. Assim como os anteriores, Férias Monstruosas é dirigido por Genndy Tartakovsky e o roteiro é assinado por ele, em parceria com Michael McCullers (O Poderoso Chefinho).

O terceiro filme da trilogia começa com flashbacks nos apresentando a um novo personagem, – um conhecido pelos fãs de terror – Abraham Van Helsing e mostra a longa jornada do caçador de monstros perseguindo Conde Drácula e seus amigos.

Então vamos aos dias de hoje. Com o hotel funcionando tranquilamente e a família de Mavis estabelecida, Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas foca novamente no Conde Drácula, que se considera um homem de família e feliz, porém sente falta de uma companheira, já que está viúvo há mais de um século. O hotel estar sendo usado para a realização de casamentos só piora seus sentimentos. Mavis acha que a melancolia de Drácula é devido ao estresse por estar trabalhando demais e para alegrar o pai, ela leva Drácula e todos seus amigos para um cruzeiro que começa no Triângulo das Bermudas e termina na cidade perdida de Atlântida.

Uma vez a bordo, Drácula encontra a capitã Ericka e instantaneamente sente o “tchan” (o amor à primeira vista dos monstros). Ericka também parece ficar interessada em Drácula, então os monstros se esforçam para juntar o casal. Porém Ericka é na verdade a bisneta de Van Helsing que está focada em continuar a missão de sua família de acabar com todos os monstros.

O que achamos?

Em Férias Monstruosas temos piadas mais frequentes, o que torna a experiência divertida. Sendo as melhores focadas nos personagens Wayne e Wanda, que quando se veem longe de seus filhotes ficam completamente perdidos. Há também piadas engraçadinhas para crianças pequenas – como o amorfo Bolha perdendo um pedaço de si mesmo apenas para a bola de gosma se transformar em uma criança.

O filme também passa a mensagem de que todos nós temos um amor verdadeiro, o que é questionável, mas a moral final do filme, de que somos todos iguais por dentro, pode parecer quase banal para adultos cínicos, mas nunca se esgota nas mentes dos mais jovens.

Não há nada de novo em Hotel Transilvânia 3, mas ele cumpre sua função de entreter e além disso apresenta os monstros clássicos para uma nova geração. Apesar do roteiro fraco e um tanto previsível, o visual bonito, os bons efeitos e a trilha sonora divertida tornam o filme uma ótima opção para as famílias verem juntas.

Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas chega aos cinemas em 12 de julho de 2018

3

Resumo

Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas mantém o mesmo estilo dos dois primeiros filmes, mas eleva o número e o nível das piadas. Apesar de não ser memorável, é um filme que cumpre sua função de entreter e pode ser uma boa pedida para levar as crianças.

Comentários

Notícias relacionadas