American Satan foi escrito e dirigido por Ash Avildsen (Asking Alexandria: Through Sin and Self-Destruction) e é produzido pela Sumerian Records & Films.
O longa acompanha a história de um grupo de jovens dos EUA e da Inglaterra que se mudam para Hollywood em busca do sonho de se tornarem uma sensação do rock and roll. O começo é difícil para a banda chamada The Relentless, até que eles conhecem um estranho enigmático chamado Sr. Capricórnio (Malcolm McDowell) que oferece um acordo para que eles tenham fama, fortuna e também para salvar Kat Faust (Denise Richards) de um câncer de mama.

Além dos já citados, também estão no elenco Andy Biersack (vocalista da banda Black Veil Brides), Ben Bruce (guitarrista da banda Asking Alexandria), John Bradley (Game of Thrones), BooBoo Stewart (Crepúsculo), Mark Boone Junior (Sons of Anarchy), Bill Duke (Dragão Vermelho), Drake Bell (Drake & Josh) e Sebastian Bach (ex-integrante da banda Skid Row).

American Satan é a estreia tanto de Ben Bruce, como de Andy Biersack como atores. Bruce interpreta o guitarrista da The Relentless e Biersack é o protagonista do filme, o vocalista Johnny Faust. Biersack não demonstra uma boa atuação nas cenas mais dramáticas do filme, mas ele tira de letra as cenas na qual deve se mostrar como o líder da banda, já que ele tem experiência nisso e também muito carisma. Faust é um dos poucos personagens que tem alguma dimensão, apesar de ser bastante clichê.

A incrível voz de Biersack, infelizmente, não foi utilizada na trilha sonora do filme, já que as músicas da The Relentless foram quase todas cantadas por Remington Leith da banda Palaye Royale. Os fãs de Black Veil Brides e Asking Alexandria ficaram bastante desapontados ao saber que os dois membros das bandas não estariam envolvidos na trilha sonora do longa. Mesmo assim a trilha sonora é boa, ela foi feita por Jonathan Davis do Korn e apresenta músicas de bandas como Deftones, The Pretty Reckless e Skid Row.

O filme segue a premissa de que o heavy metal é a música do diabo e tem um roteiro escrito baseado nas experiências pessoais de Avildsen, Biersack e Bruce. E são apresentadas várias questões sobre fama e sobre o livre arbítrio.

Após a The Relentless selar o pacto com o diabo, rapidamente seus membros passam a viver a vida de estrelas do rock, regada de muito sexo, bebidas, drogas, violência e escândalos. Acabam se tornando vítima de seu próprio sucesso. Até esse ponto o filme é bastante real e mostra como funciona a indústria da música. Também é mostrado como os fãs podem seguir o comportamento de seus ídolos, principalmente os maus exemplos e como a música pode ser poderosa o suficiente para ditar tendências para as massas. Mas apesar disso, tenta mostrar que a música não é a causadora do caos, na verdade a arte é a reposta para os problemas.

Porém chega um ponto em que tudo começa a ficar exagerado demais, são apresentados motivos bastante fúteis e rasos para os escândalos e até mesmo para suicídio. O que tira um pouco a credibilidade do filme.

American Satan tinha potencial para ser muito melhor, mas teve um roteiro fraco, previsível e com alguns diálogos bastante ruins. O filme também poderia ser mais curto, há muita enrolação em suas quase duas horas de duração. Mas, apesar dos defeitos, consegue passar a atmosfera que um filme sobre rock and roll deveria ter.

American Satan teve uma distribuição limitada nos Estados Unidos e não chegará aos cinemas brasileiros. O filme está disponível no iTunes e no GooglePlay.

Comentários

Notícias relacionadas