Vencedor de Quatro Oscars (incluindo Melhor Ator para Rami Malek), Bohemian Rhapsody pode ganhar uma continuação. Segundo o PageSix, o guitarrista Brian May e o baterista Roger Taylor estão discutindo ideias para uma sequência. Caso aconteça, o filme começará a partir da apresentação do Live Aid até a morte de Freddie Mercury.

A cinebiografia da banda Queen se tornou a mais lucrativa do cinema faturando um total de US$ 867 milhões.

O filme mostra o sucesso meteórico da banda através de suas canções icônicas e som revolucionário, a quase implosão quando o estilo de vida de Mercury sai do controle e o reencontro triunfal na véspera do Live Aid, onde Mercury, agora enfrentando uma doença fatal, comanda a banda em uma das maiores apresentações da história do rock. Durante esse processo, foi consolidado o legado da banda que sempre foi mais como uma família, e que continua a inspirar desajustados, sonhadores e amantes de música até os dias de hoje.

O elenco é formado por Rami Malek (Mr. Robot) como Freddie Mercury, Ben Hardy (X-Men: Apocalipse) como o baterista Roger TaylorGwilym Lee (Jamestown) no papel do guitarrista Brian May e Joseph Mazzello (A Rede Social) no papel do baixista John Deacon.

Rami Malek utilizará não só sua própria voz nas performances musicais, mas também gravações de Mercury.

Dirigido por Dexter Fletcher, Bohemian Rhapsody estreou em 02 de novembro  de 2018. O roteiro foi escrito por Anthony McCarten (A Teoria de Tudo). Brian May e Roger Taylor serão os produtores executivos.

Comentários

Notícias relacionadas