Power Rangers | Elenco da série original estará presente na premiere do novo filme

O novo filme dos Power Rangers terá sua premiere amanhã (22) nos EUA e a Lionsgate promete o encontro de gerações. O elenco da série original Austin St. John (Jason), Amy Jo Johnson (Kimberly), David Yost (Billy), Walter Jones (Zack) e Jason David Frank (Tommy) estarão no red carpet junto com os atores da nova versão Dacre Montgomery (Jason, o Ranger Vermelho), RJ Cyler (Billy, o Ranger Azul), Naomi Scott (Kimberly, a Ranger Rosa), Becky Gomez (Trini a Ranger Amarela) e  Ludi Lin (Zack, o Ranger Preto). As informações são do Mega Power Brasil.

O evento será transmitido nas redes sociais do site oficial do filme. Acompanhem no Poltrona Nerd.

Power Rangers segue cinco jovens comuns do ensino médio que devem se tornar algo extraordinário quando eles aprendem que a sua pequena cidade Alameda dos Anjos – e o mundo – estão à beira de ser obliterado por uma ameaça alienígena. Escolhido pelo destino, os nossos heróis descobrem rapidamente que eles são os únicos que podem salvar o planeta. Mas, para isso eles terão que superar seus problemas da vida real e se unir como os Power Rangers antes que seja tarde demais.

O criador original Haim Saban será o produtor do novo filme, juntamente com Brian Casentini e Allison Shearmur.

Com direção de Dean Israelite e roteiro de Ashley Miller e Zack Stentz (X-Men: Primeira Classe), os novos Power Rangers irão morfar em 23 de março.

Por Onde Anda o elenco de Power Rangers?

Há 23 anos atrás, a série Power Rangers chegava à telinhas e continua com suas novas temporadas até hoje. Mas o que marcou foi o início da série com os personagens que se tornaram o mais populares e são tratados como lendas nos episódios atuais. Na seção Por Onde Anda? de hoje mostramos como estão os atores da temporada clássica que durou de 1993 a 1996.

Austin St. John (Jason, Ranger Vermelho)

O primeiro líder e ranger vermelho da série, Jason se tornou o herói e exemplo para a criançada. Alegando problemas salariais, Austin St. John deixou a série em 1994, retornando em Power Rangers Zeo como o Ranger Dourado em 1996. John também reprisou o papel de Jason no filme Turbo - Power Rangers 2 (1997). Sua última participação foi em 2002 no épico episódio "Forever Red" em Power Rangers: Força Animal, quando todos os Rangers Vermelhos se reuniram. Atualmente com 41 anos, Austin St. John trabalha como bombeiro paramédico, mas continua participando de eventos para fãs da série.

Walter Jones (Zack, o Ranger Preto)

O primeiro ranger preto ficou marcado por misturar a dança com as artes marciais. Ao deixar a série em 1994, Jones seguiu a carreira de ator participando das séries Buffy, CSI, The SHIELD, além de dublar as animações O Bicho Vai Pegar e Tá Chovendo Hambúrguer 2. Hoje o ator está com 45 anos e, esteve no Brasil em janeiro para participar dos eventos 4 Fun Fest (São Paulo) e Sana Fest (Fortaleza), onde estivemos na coletiva de imprensa.

David Yost (Billy, Ranger Azul)

O primeiro Ranger Azul não era um especialista em artes marciais, mas sua inteligência para criar equipamentos ajudava sempre a equipe. Yost ficou na série de 1993 a 1997, quando deixou de ser um ranger para se tornar um ajudante na sala de comando de Zordon. Em 2007, ele assumiu ser homossexual e alegou que durante as gravações de Power Rangers sofria preconceito por seus colegas. Aos 47 anos, David Yost se tornou produtor de séries e reality shows nos Estados Unidos e Canadá. O mais famoso é Temptation Island, de 2001. Ele também foi produtor do sucesso The Real Housewives of Beverly Hills.

Amy Jo Johnson (Kimberly, Ranger Rosa)

A primeira ranger rosa foi a primeira paixão de muitos garotos, incluindo eu. Amy ficou na série de 1993 a 1996. Ela reprisou o papel de Kimberly no filme Turbo - Power Rangers 2 (1997). Depois, a atriz ganhou destaque na série Felicity, no papel de Julie. Ela também participou das séries ER,What About BrianFlashpoint Covert Affairs. Além de atriz, Amy Jo Johnson seguiu a carreira de cantora lançando os álbuns The Trans-American Treatment, Never Broken e Imperfect. Ela atualmente tem 45 anos, está casada e tem uma filha.

Jason David Frank (Tommy, o Ranger Verde)

É o ator do elenco original com mais participações em Power Rangers. Frank entrou durante a série, mas logo ganhou destaque assumindo a função de líder do grupo. Inicialmente, Tommy foi introduzido como um vilão ao ser enfeitiçado por Rita Repulsa, se transformando no Ranger Verde. Não durou muito e ele se converteu para o bem. Ao perder os poderes do Ranger Verde, se transformou no Ranger Branco. Na temporada de Power Rangers Zeo (1996) foi o Ranger Vermelho, se repetindo em Power Rangers Turbo (1997),  quando deixou a série. Ele retornou em 2004 como o Ranger Preto em Dino Trovão. Sua última participação foi em Power Rangers Megaforce  (2014) retornando como o Ranger Verde. O ator está atualmente com 42 anos, é professor de artes marciais e se tornou lutador profissional de MMA. Além disso, continua participando de eventos para fãs de Power Rangers.

Thuy Trang (Trini, Ranger Amarela)

A atriz vietnamita deixou a série juntamente como Austin St. John e Walter Jones alegando problemas de contrato. Em 1996, ela interpretou a vilã de O Corvo: Cidade dos Anjos. Em 2001, ela sofreu um acidente fatal de carro, aos 27 anos. A atriz ganhou uma homenagem póstuma da produção da série, e sua personagem foi citada em 2004 e 2008 como uma lendária ranger.

Steve Cardenas (Rocky, Ranger Vermelho)

O substituto de Jason, Rocky continuou na série até 1997, quando se tornou o Ranger Azul em Power Rangers Zeo. Ele retornou em uma breve aparição no filme Turbo - Power Rangers 2 . Atualmente com 41 anos, Cardenas se tornou professor de artes marciais e participa de convenções sobre Power Rangers. Em 2015, ele esteve no Brasil participando da CCXP - Comic Con Experience.

Karan Ashley (Aisha, Ranger Amarela)

A atriz entrou na segunda temporada de Power Rangers, quando Aisha assumiu o posto deixado por Trini. Ela deixou a série durante a temporada Power Rangers Zeo em 1996. Karan está com 40 anos e atualmente participa de convenções sobre a série.

Johnny Yong Bosch (Adam, Ranger Preto)

Assim como Steve Cardenas e Karan AshleyJohnny Yong Bosch entrou na série durante a segunda temporada para se tornar o novo Ranger Preto. Ele continuou durante as temporadas Power Ranger Zeo (1996) e Power Rangers Turbo (1997), se tornando o Ranger Verde. Sua última participação foi em Power Rangers no Espaço (1998). Atualmente aos 40 anos, Bosch continua praticando artes marciais e trabalha como dublador em diversos games e animes, entre eles, Bleach e Naruto Shippuden.

Catherine Sutherland (Kat, Ranger Rosa)

A atriz australiana foi a segunda ranger rosa. Inicialmente, ela era uma vilã sob o feitiço de Rita Repulsa. Ao quebrar o feitiço, Kat se tornou uma aliada dos Power Rangers e assumiu o lugar de Kimberly. Sutherland ficou na série até 1997 durante a temporada Power Rangers Turbo, que gerou o segundo filme Turbo - Power Rangers 2 . Contudo, Kat foi vista em cenas de flashback durante as temporadas Power Rangers: Dino Trovão (2004) e Power Rangers Operação Ultraveloz (2008). A atriz também participou como dubladora em Power Rangers: Força do Tempo (2001) e Power Rangers: Força Animal (2002). Aos 41 anos atualmente, ela segue a carreira de atriz e dubladora.

Sana Fest 2016 | Acompanhamos a coletiva de imprensa com Walter Jones, da série Power Rangers

No último domingo (24), o Poltrona Nerd esteve presente no Sana Fest 2016, maior evento de cultura multitemático do Norte e Nordeste do Brasil. Walter Jones, o Zack Taylor da série Power Rangers de 1993, foi a grande atração do evento em Fortaleza. Momentos antes de participar do aguardado painel com os fãs, o primeiro Ranger Preto participou de uma breve coletiva de imprensa.

Trazendo consigo o capacete do Ranger Preto, o ator de 45 anos disse que não esperava que a série se transformasse em um grande sucesso. “Eu não esperava que teria uma grande repercussão. Lembro de levar o episódio piloto para os meus pais assistirem, e eles não compreenderam bem a proposta da série. Tive muito receio no início”, relembra o ator.

poltrona_walter_jones_sanafest_24jan16_2
Créditos da imagem: Produção do Sana

Perguntado sobre sua saída do programa, Walter Jones comenta que gostaria de ter ficado, mas problemas contratuais o fizeram abandonar a série. “Eu, Austin St. John (Jason) e Thuy Trang (Trini) queríamos renegociar o nosso contrato. Éramos atores jovens e não fazíamos parte do Sindicato dos Atores. Trabalhávamos bastante, cerca de 15h por dia e o nosso salário não era de acordo com o estabelecido pelo Sindicato. Como não houve acordo, decidimos sair. Mas eu gostaria de ter continuado. Amava fazer o Zack e estávamos nos preparando para fazer o filme [lançado em 1995].”

Se aceitaria reprisar o papel de Zack, o ator disse que o reboot de Power Rangers no cinema em andamento pela Lionsgate, seria uma boa oportunidade de voltar. “Eu acredito que o elenco original deverá fazer uma pequena participação. Não há nada oficial ainda. Mas eu aceitaria interpretar o Zack novamente se fosse chamado.”

poltrona_walter_jones_sanafest_24jan16_1
Créditos da imagem: Produção do Sana

Ainda sobre o reboot de Power Rangers, Walter Jones falou: “Estou muito animado. Vejo como uma oportunidade de apresentar os Rangers para uma nova geração de fãs.”

Depois de Power Rangers, Jones continuou com sua carreira de ator e dançarino. Ele participou de séries como Buffy, CSI, The SHIELD, além de dublar as animações O Bicho Vai Pegar e Tá Chovendo Hambúrguer 2. Contudo, ele não se sente depreciado ao ser lembrado apenas como Zack. Para ele, vai ser difícil encontrar algo que ultrapasse Power Rangers.

“Em Power Rangers havia cards, álbum de figurinhas, quadrinhos, games e cartazes com minha imagem. Era algo grandioso. Não importa se tenha feito algo de importante depois. Não há nada que possa superar, somente se fosse algum super-herói como Arqueiro Verde e Superman”, brincou.

Sobre a paixão dos fãs, em especial o público brasileiro, o ator não escondeu a admiração e respeito. Foi possível perceber a emoção em seus olhos levemente marejados. “Eu não sei falar português, mas pelo sorriso no rosto dos fãs eu consigo compreender que Power Rangers está no coração de cada um. Vejo os fãs brasileiros como uma família. Todos são bastante amigáveis.”

Sempre sorridente e animado em estar no Brasil, Walter Jones encerrou a coletiva repetindo o tradicional bordão dos Power Rangers: “É hora de morfar. Mastodonte.”