Mais ação e intrigas embalam o novo trailer de “Atômica”, com Charlize Theron e James McAvoy

A Universal Pictures acaba de divulgar o mais novo trailer de “Atômica” (Atomic Blonde), produção dirigida por David Leitch, de “John Wick” e o ainda em produção “Deadpool 2″.

Baseado no graphic novel “The Coldest City”, assinado por Antony Johnston e ilustrado por Sam Hart, o filme combina ação e suspense em uma trama repleta de sensualidade, brutalidade e espionagem. Após a queda do muro de Berlim, a agente Lorraine Broughton (Charlize Theron) – a mais assassina e brutal do MI6 – é enviada à cidade para recuperar um dossiê de valor inestimável. Ela se une ao chefe da estação local, David Percival (James McAvoy) e se envolve em um jogo letal de espiões.                                                    

A produção ainda conta com James Mcavoy, John Goodman, Til Schweiger, Eddie Marsan, Sofia Boutella e Toby Jones. A estreia está marcada para 3 de agosto de 2017.

Cinema: Estreias da Semana – [23 de Março]

Mais uma semana de grandes estreias nos cinemas de todo o país, o diretor M. Night Shyamalan apresenta o seu mais novo filme de Suspense “Fragmentado” protagonizado pelo ator James McAvoy que vive neste filme 23 personagens.

Um dos filmes mais aguardado deste ano, “Power Rangers – O Filme” estrelado por Naomi Scott, Dacre Montgomery, Ludi Lin, RJ Cyler, Becky G e Elizabeth Banks chega aos cinemas com direção de Dean Israelite. O diretor Danny Boyle traz de volta aos cinemas “Trainspotting 2” com o mesmo elenco original do primeiro filme com Ewan McGregor, Jonny Lee Miller, Ewen Bremner e conta com a distribuição da Sony Pictures no Brasil.

Confira a seguir os lançamentos da semana:

Fragmentado 

(Split) – EUA – 2017 – Suspense – Duração: 117 min

Sinopse: Kevin (James McAvoy) possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

 

Trailer:

 

Diretor: M. Night Shyamalan

Elenco: James McAvoy, Anya Taylor-Joy, Haley Lu Richardson

Distribuidora: Universal

Classificação: 14 Anos

Power Rangers – O Filme

(Saban’s Power Rangers) – EUA – 2017 – Aventura – Duração: 120 min

Sinopse: A jornada de cinco adolescentes que devem buscar algo extraordinário quando eles tomam consciência que a sua pequena cidade Angel Grove – e o mundo – estão à beira de sofrer um ataque alienígena. Escolhidos pelo destino, eles irão descobrir que são os únicos que poderão salvar o planeta. Mas para isso, eles devem superar seus problemas pessoais e juntarem sua forças como os Power Rangers, antes que seja tarde demais.

 

Trailer:

 

Diretor: Dean Israelite

Elenco: Naomi Scott, Dacre Montgomery, Ludi Lin, RJ Cyler, Becky G, Elizabeth Banks

Distribuidora: Paris Filmes

Classificação: 10 Anos

Trainspotting 2 

UK – 2017 – Ação – Duração: 117 min

Sinopse: Renton (Ewan McGregor) retorna à cidade natal depois de vinte anos de ausência. Hoje, ele é um homem novo, com um emprego fixo e livre das drogas. Os amigos não tiveram a mesma sorte: Sick Boy (Jonny Lee Miller) comanda um comércio fracassado, Spud (Ewen Bremner) continua dependente de heroína e Begbie (Robert Carlyle) está na prisão. Aos poucos, Renton revela que sua realidade não é tão positiva quanto ele mostrava, e volta a praticar os crimes de antigamente.

 

Trailer:

 

Diretor: Danny Boyle

Elenco: Ewan McGregor, Jonny Lee Miller, Ewen Bremner

Distribuidora: Sony Pictures

Classificação: 16 Anos

Em São Paulo, diretor de Fragmentado afirma já estar escrevendo sequência do filme!

MNight Shyamalan está no Brasil para o lançamento de seu novo filme, Fragmentado, e em entrevista coletiva nesta terça-feira, em São Paulo, afirmou já estar preparando a sequência do longa, que só nos Estados Unidos arrecadou mais de 140 milhões de dólares até agora.

O diretor de O Sexto Sentido disse que a ideia de Fragmentado já é antiga, “ele (personagem) estava planejado para um outro filme e sempre achei esse distúrbio (de múltiplas personalidades) fascinante”. No filme, Kevin, brilhantemente interpretado por James McVoy, é um homem que sofre do transtorno de múltiplas personalidades e tem a consciência partida em 23 identidades e o perigo está na 24ª, que insiste em surgir.

Para o diretor. o mundo anda sombrio, o que faz com que histórias como a de Fragmentado façam mais sentido do que nunca. “Hoje o mundo está pronto para essas histórias, ele está num lugar muito estranho”. Segundo Shyamalan, um sinal dos novos tempos são os heróis do cinema atual: “Jack Sparrow, de Piratas do Caribe, e Tony Stark, de Homem de Ferro, um beberrão e um mulherengo”.

No suspense as identidades mais agressivas de Kevin acabam tomando o controle, o que o leva a sequestrar três adolescentes, dando início a uma tensão avassaladora do início ao fim, claro, com o já habitual plot twist (virada de cena surpreendente) do diretor. Mas também há espaço para pequenos momentos de alívio cômico, “talvez seja essa minha obsessão por David Lynch”, diverte-se o diretor.

Ele deixa claro que a intenção é mostrar o potencial que a mente humana pode adquirir, como em Lucy ou Sem Limites que tratam dessa temática, mas em Fragmentado o foco é no psicológico. “Soa como ficção (o distúrbio), mas não é. O corpo reage à identidade e a mente fica conectada  a ela. Ele (personagem) não está fingindo ser outra pessoa, ele é”.

Assim, Shyamalan abre espaço para elogiar o trabalho de McAvoy, “ele não teve medo, foi incrível, criou empatia para cada um de suas personalidades, trabalhou uma identidade por dia e se comprometeu 100 %“.

O cineasta que já está escrevendo uma sequência para o filme, afirmou que agora há duas audiências para o longa, “os mais velhos vão se identificar com a cena final e vibrar, enquanto os mais novos não vão entender inicialmente, mas vão atrás da referência”.

Fragmentado estreia nesta quinta-feira, 23 de março.

Crítica | Fragmentado é a volta por cima de M. Night Shyamalan

M. Night Shyamalan surgiu sob a alcunha do diretor da nova geração depois dos formidáveis O Sexto Sentido (1999) e Corpo Fechado (2000). Contudo, Hollywood é traiçoeira. Da mesma forma que te coloca no topo, te derruba feio. Shyamalan sofreu com isso com as produções seguintes, que foram até boas como Sinais (2002) e A Vila (2004). Com o passar dos anos, ele ficou marcado apenas como o cineasta dos plot twists (as viradas de cena que surpreendem nos atos finais).

Depois do ótimo A Visita (2015), que reafirma o diretor com um dos melhores do gênero thriller, Fragmentado é a sua volta por cima. Um filme surpreendente que trabalha com eficiência drama, comédia e terror e, com um twist para deixar os espectadores de queixo caído.

A trama é centrada em Kevin (James McAvoy ), um portador de 23 personalidades distintas que tem capacidade de alterar sua química corporal por meio do pensamento e passa a agir de maneira incontrolável. Mas conforme aprendemos ao longo do filme, existe uma 24ª identidade que ameaça emergir. Essa identidade é “a besta”, e ela tem fome por carne humana que o define como “alimento sagrado”. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

O filme possui três narrativas. A primeira, que serve de pano de fundo para o filme, segue o rapto das três adolescentes nas mãos de uma das personalidades atormentadas de Kevin. O segundo segue a relação de Kevin com sua psiquiatra Dr. Fletcher (Betty Buckley), que revela o paciente estar demonstrando sinais preocupantes de instabilidade, apesar de seu progresso de longa data. A terceira, e mais importante, segue a adolescente raptada Casey (Anya Taylor-Joy), em flashbacks de infância onde seu pai a ensinou a ser uma sobrevivente e seu tio a distorceu com a realidade mais cruel e sinistra da vida.

Shyamalan é eficaz em mostrar os dois lados de pessoas que sofreram abuso. Kevin e Casey são faces da mesma moeda. Ambos guardam sequelas, mas seguiram caminhos diferentes. Kevin criou as 24 personalidades, enquanto Casey se tornou uma garota anti-social. Não é a toa, que Kevin por meio de uma das personalidades sente uma conexão com a garota.

Como já de costume em obras do diretor, Fragmentado parece ser um filme de garotas tentando escapar de um homem perigoso. Mas, as viradas sutis logo mostram que a história tem muito mais para entregar. O filme também consegue trabalhar o humor de maneira eficiente. Cenas divertidas distraem, deixam o público relaxado. Com isso, as cenas assustadoras causarão maior impacto no espectador. M. Night Shyamalan repete a mesma fórmula de A Visita com humor e terror, mais uma vez se saindo bem.

Fragmentado não funcionaria sem um ator do calibre de McAvoy, que dá um show. O ator consegue apresentar com eficiência cada personalidade alternando do divertido para assustador apenas com nuances sutis. O britânico com cara de bom moço está irreconhecível e realiza um dos grandes trabalhos da carreira.

Apesar dos excessos em seu ato final que pode se resumir em uma mistura de Dragão Vermelho, Identidade e, estranhamente, Jurassic Park, M. Night Shyamalan incorpora esses momentos de forma orgânica, reverente e visceral. Ao final, Fragmentado é um dos filmes mais pensativos e o melhor do cineasta em anos. Aquele filme que te deixará reflexivo após o surpreendente final.

Ps.: O filme continua durante os créditos finais. Fiquem atentos. 

Charlize Theron vive espiã em imagens e vídeos de Atomic Blonde

A Focus Features (via Entertainment Weekly) divulgou as primeiras imagens e dois teasers de Atomic Blonde, adaptação da graphic novel escrita por Antony Johnston e ilustrada por Sam Hart, que Charlize Theron estrela.

Na trama, a agente do  Serviço de Inteligência Secreta, Lorraine Broughton (Charlize Theron) é enviada sozinha para Berlim para entregar um inestimável dossiê. Ela se junta ao chefe da estação incorporada, David Percival (James McAvoy), para navegar pelo mais mortal jogo de espiões.

Sofia Boutella (A Múmia), John Goodman (Kong: A Ilha da Caveira) e Toby Jones (Sherlock) também estão no elenco.

Atomic Blonde estreia em 28 de julho nos EUA. David Leitch (Deadpool 2) dirige a partir do roteiro de Kurt Johnstad.

Novo trailer de Fragmentado mostra mais detalhes das 23 personalidades de James McAvoy

Em “Fragmentado” (Split), o ator James McAvoy é Kevin, um homem que sofre por suas múltiplas personalidades que insistem em se manifestar aleatoriamente. No novo trailer do longa, dirigido por M. Night Shyamalan (de “O Sexto Sentido” e “A Visita”), descobrimos um pouco mais sobre os tormentos do personagem.

Com distribuição da Universal Pictures, o thriller é uma parceria de Shyamalan com o produtor Jason Blum, de “Atividade Paranormal”. O filme acompanha a rotina de Kevin, um portador de 23 personalidades distintas que tem capacidade de alterar sua química corporal por meio do pensamento e passa a agir de maneira incontrolável.

Além de McAvoy, o suspense conta com Anya Taylor-Joy (de “A Bruxa”), Haley Lu Richardson, Brad William Henke, Kim Director, Sterling K. Brown, Sebastian Arcelus e Betty Buckley no elenco.

Split | James McAvoy vive um louco no trailer do novo filme de M. Night Shyamalan

A Universal Pictures divulgou o primeiro trailer de Split, novo suspense de M. Night Shyamalan (O Sexto Sentido, Corpo Fechado), estrelando James McAvoy (X-Men: Apocalipse). Veja no player abaixo!

Na trama, McAvoy interpreta Kevin, um sujeito diagnosticado com 23 personalidades, que raptou três adolescentes.

Betty BuckleyAnya Taylor-Joy também estão no elenco.

Split estreia em 20 de janeiro de 2017 nos EUA.

Crítica 2 | X-Men: Apocalipse é um bom filme e acerta o tom para o futuro da franquia

X-Men-ApocalypseQuando escalado para dirigir o primeiro filme dos X-Men em 2000, Bryan Singer citou a necessidade de fazer um filme grandioso e desafiador como esse, a fim de no futuro aprender a realmente fazer um filme desse. 16 anos depois, em sua quarta passagem pelo universo dos mutantes, Singer demonstra que consegue realizar um filme dos X-Men de olhos fechados.

X-Men: Apocalipse é mais um bom filme com a assinatura do diretor, mas com ressalvas. A liberdade criativa que a 20th Century Fox cedeu para o cineasta acabou se tornando o grande vilão dos filhos do átomo. É inegável a bagunça que se tornou a cronologia dos filmes, com muitas pontas soltas e perguntas não respondidas. Assim como Dias de Um Futuro Esquecido, esta nova produção renega o passado com o intuito de apagar a arestas e seguir adiante.

Na nova trama, um poderoso mutante que governou o mundo no passado antigo, Apocalipse (Oscar Isaac), voltou a despertar para um mundo de mutantes e caos na década de 80 e está pronto para cumprir sua promessa de refazer a humanidade à sua imagem. Contando com a ajuda de seus Quatro Cavaleiros: Tempestade (Alexandra Shipp), Magneto (Michael Fassbender), Psylocke (Olivia Munn) e Anjo (Ben Hardy), Apocalipse tem seu plano ameaçado por Charles Xavier (James McAvoy) e seus novos mutantes: Jean Grey (Sophie Turner), Ciclope (Tye Sheridan), Noturno (Kodi Smit-McPhee). Além disso, outros velhos conhecidos estão de volta como Mística (Jennifer Lawrence), Fera (Nicholas Hoult) e Mercúrio (Evan Peters).

Co-escrito por Simon Kinberg, Michael Dougherty e Dan Harris, X-Men: Apocalipse não faz jus ao temido vilão título. Oscar Isaac é subaproveitado e a maquiagem acaba prejudicando sua performance. Apocalipse em nenhum momento consegue se impor. Durante a narrativa, o que mais fica presente é a importância dos X-Men voltarem a se unir contra a grande ameaça.

Daí, que o trabalho de Singer em conhecer os personagens continua eficiente. O diretor consegue introduzir muito bem os novos mutantes Noturno, Jean Grey e Ciclope. Todos são apresentados de maneira efetiva e com suas devidas motivações. Como adolescentes, todos tem seus receios e o medo acaba sendo a força para eles encararem os obstáculos.

As escalações de Tye Sheridan e Sophie Turner foram precisamente acertadas. Pela primeira vez na franquia, acompanhamos Ciclope e Jean Grey mais próximos possíveis dos quadrinhos e, trabalhando em equipe. A sintonia entre os jovens atores é ótima, algo que faltou na trilogia original.

Como já apresentado nos trailers, Jennifer Lawrence ganha mais destaque neste longa interpretando Mística vista como heroína pelos jovens mutantes. A personagem abraça esse símbolo para reunir novamente os X-Men. Lawrence não decepciona, embora a Mística no longa esteja mais para Katniss do que a anti-heroína dos quadrinhos.

James McAvoy repete uma atuação competente como Charles Xavier. Interessante que o ator busca pelos trejeitos situar o amadurecimento de Charles, já que a história se passa 10 anos depois do último filme. O mesmo vale para Michael Fassbender que apresenta um Magneto sofrido com perdas recentes e que não consegue se desligar do seu lado mais obscuro.

No aspecto técnico, o trabalho da figurinista Louise Mingenbach está excelente, criando os melhores uniformes dos mutantes até agora. Sem deixar o conhecido tom preto, ela conseguiu utilizar de maneira sutil, mas perceptível para os olhos dos fãs de quadrinhos algumas referências com os trajes clássicos. Visualmente falando, X-Men: Apocalipse é um dos filmes mais bonitos da franquia.

O grande problema no longa está em refazer o que funcionou antes. Em X2 (2003), a cena inicial do Noturno foi uma das mais incríveis daquele ano. O mesmo aconteceu com Mercúrio em X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido (2014). Com o retorno dos dois personagens, suas cenas são praticamente as mesmas, só que maiores e e mais caprichadas visualmente. O mesmo acontece com Coronel Stryker e o projeto Arma X, que novamente é introduzido e somos levados mais uma vez ao Lago Alkali para a participação especial daquele personagem bastante amado (vocês já sabem quem são, então nem preciso citar!). Porém, a cena acaba sendo satisfatória pelo visual e estilo sangrento seguindo a linha da HQ.

X-Men: Apocalipse é deveras divertido. Não é o melhor filme da franquia, mas está longe de ter sido um desastre como aconteceu em X3 – O Confronto Final (2006), que seguiu o rito da maldição do terceiro filme. Com duas trilogias encerradas, o final deixa espaço para algumas novas ideias a serem utilizadas ou, que o fim pode estar próximo.

Observação: Para os apressados que saem logo após o filme acabar, há uma interessante cena pós-créditos.

Cinema: Estreias da Semana – 19 de Maio

Grandes estreias essa semana nas telonas de todo o Brasil e para começarmos o novo filme dos atores Kate Winslet e Liam HemsworthA Vingança Esta na Moda” chega aos cinemas com distribuição da Imagem Filmes, o diretor Nicholas Stoller esta de volta com a comédia “Vizinhos 2” com o elenco do filme principal Seth Rogen, Rose Byrne e Zac Efron.

A California Filmes apresenta o seu mais novo drama “Pais e Filhas” com a participação de Russell Crowe, Amanda Seyfried e Aaron Paul e a grande estréia da semana “X-men: Apocalipse” com os atores James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence, Evan Peters, Oscar Isaac, Nicholas Hoult e Hugh Jackman estreia nos cinemas com muita ansiedades para os fãs dos mutantes e conta com a direção de Bryan Singer.

Confira a seguir os lançamentos da semana:

moda-capa-1A Vingança Esta na Moda

(The Dressmaker) – 2014 – AUS – Drama – Duração: 118 Min.

Sinopse: Uma atraente mulher (Kate Winslet) retorna à sua cidade natal na Austrália rural. Com sua máquina de costura e estilo haute couture, ela transforma as mulheres e demanda a doce vingança de quem não acreditou em seus feitos.

 

 

Trailer:

Elenco: Kate Winslet, Liam Hemsworth, Hugo Weaving

Direção: Jocelyn Moorhouse

Distribuidora: Imagem Filmes

Classificação: 14 Anos

20160401-uni_viz2_poster_64x94_0Vizinhos 2

(Neighbors 2: Sorority Rising) – EUA – 2016 – Comédia – Duração: 95 Min.

Sinopse: Com um novo bebê a caminho, Mac (Seth Rogen) e Kelly Radner (Rose Byrne) decidem vender a casa e mudar-se para o subúrbio. Entretanto, uma nova fraternidade, mais estrondosa que seus antigos vizinhos, assumem a casa ao lado. Liderada por Shelby (Chloë Grace Moretz), as meninas do Kappa Nu pretendem mostrar que sabem fazer uma festa bem melhor que os meninos. A fim de que a paz na vizinhança seja restaurada, Mac e Kelly convocam sua arma secreta: Teddy (Zac Efron).

Trailer:

Elenco: Seth Rogen, Rose Byrne, Zac Efron

Direção: Nicholas Stoller

Distribuidora: Universal

Classificação: 16 Anos

X-Men-ApocalypseX-Men: Apocalipse

2016 – EUA – Ação – Duração: 143 Min.

Sinopse: O ancestral dos mutantes, En Sabah Nur, retorna com planos de mergulhar o mundo em um apocalipse para garantir a supremacia. Sequência de “X-Men: Dias de um Futuro Esquecido”.

 

 

Trailer:

Elenco: James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence, Evan Peters, Oscar Isaac, Nicholas Hoult, Hugh Jackman

Direção: Bryan Singer

Distribuidora: Fox Films

Classificação: 14 Anos

254172_ptPais e Filhas

(Fathers And Daughters) – EUA, ITA – 2015 – Drama – Duração: 117 Min.

Sinopse: Nova York, 1988. Novelista mentalmente instável (Russell Crowe) tenta criar sozinho a filha de cinco anos após a morte da esposa. Vinte anos depois, a garota, já adulta (Amanda Seyfried), cuida de crianças com problemas psicológicos e ainda tenta entender sua complicada infância.

 

 

Trailer:

Elenco: Russell Crowe, Amanda Seyfried, Aaron Paul

Direção: Gabriele Muccino

Distribuidora: California Filmes

Classificação: 14 Anos

X-Men: Apocalipse ganha novos cartazes de personagem

A 20th Century Fox divulgou 10 novos cartazes de personagem de X-Men: Apocalipse. Veja na galeria abaixo!

Desde o início da civilização, ele era adorado como um deus.  Apocalipse (Oscar Isaac), o primeiro e mais poderoso mutante do universo X-Men da Marvel, acumulou os poderes de muitos outros mutantes, tornando-se imortal e invencível. Ao acordar depois de milhares de anos, ele está desiludido com o mundo em que se encontra e recruta uma equipe de mutantes poderosos, incluindo um Magneto desanimado (Michael Fassbender), para purificar a humanidade e criar uma nova ordem mundial, sobre a qual ele reinará. Como o destino da Terra está na balança, Raven (Jennifer Lawrence), com a ajuda do Professor Xavier (James McAvoy) deve levar uma equipe de jovens X-Men para parar o seu maior inimigo e salvar a humanidade da destruição completa.

Veja mais: X-Men: Apocalipse | Os quatro cavaleiros são apresentados em novo vídeo

Fera (Nicholas Hoult), Mercúrio (Evan Peters), Lucas Till (Havok) e Rose Byrne (Moira MacTaggert) retornam.

Os novatos Sophie Turner (Jean Grey), Tye Sheridan (Ciclope)Alexandra Shipp (Tempestade), Lana Condor (Jubileu), Ben Hardy (Anjo), Olivia Munn (Psylocke) e Kodi Smit-McPhee (Noturno) também estão no elenco.

X-Men: Apocalipse estreia em 19 de maio. Bryan Singer dirige a partir do roteiro de Simon Kinberg, Mike Dougherty e Dan Harris.

Xavier e seus mutantes ilustram o novo cartaz de X-Men: Apocalipse

20th Century Fox divulgou o novo cartaz de X-Men: Apocalipse. Veja abaixo o Professor Xavier e seus pupilos!

A trama do novo filme será ambientada em 1983 e terá o retorno de Mística (Jennifer Lawrence), Xavier (James McAvoy), Magneto (Michael Fassbender), Fera (Nicholas Hoult), Mercúrio (Evan Peters), Lucas Till (Havok) e Rose Byrne (Moira MacTaggert). Oscar Isaac será o vilão Apocalipse.

Os novatos Sophie Turner (Jean Grey), Tye Sheridan (Ciclope)Alexandra Shipp (Tempestade), Lana Condor (Jubileu), Ben Hardy (Anjo), Olivia Munn (Psylocke) e Kodi Smit-McPhee (Noturno) também estão no elenco.

X-Men: Apocalipse estreia em 26 de maio. Bryan Singer dirige a partir do roteiro de Simon Kinberg, Mike Dougherty e Dan Harris.

Assista James McAvoy e Daniel Radcliffe no primeiro trailer de Victor Frankenstein

A 20th Century Fox liberou o primeiro trailer de Victor Frankenstein, filme estrelado por James McAvoy e Daniel Radcliffe. Confira:

Contada a partir da perspectiva de Igor (Daniel Radcliffe), vemos origens obscuras do conturbado jovem assistente, sua amizade redentora com o jovem estudante de medicina Viktor Von Frankenstein (James McAvoy), e que se tornam testemunhas oculares do surgimento de como Frankenstein se tornou o homem – e a lenda – que conhecemos hoje.

Jessica Brown Findlay, Andrew Scott, Mark Gatiss e Freddie Fox também estão no elenco.

Victor Frankenstein estreia em 02 de outubro. Paul McGuigan  dirige a partir do roteiro de Max Landis (Poder Sem Limites).

Veja as primeiras imagens de X-Men: Apocalipse

A nova edição da Entertainment Weekly traz as primeiras imagens oficiais de X-Men: Apocalipse. Veja abaixo os visuais de Apocalipse, Psylocke e Tempestade!

A trama do novo filme será ambientada em 1983 e terá o retorno de Mística (Jennifer Lawrence), Xavier (James McAvoy), Magneto (Michael Fassbender), Fera (Nicholas Hoult), Mercúrio (Evan Peters), Lucas Till (Havok) e Rose Byrne (Moira MacTaggert). Oscar Isaac será o vilão Apocalipse.

Os novatos Sophie Turner (Jean Grey), Tye Sheridan (Ciclope)Alexandra Shipp (Tempestade), Lana Condor (Jubileu), Ben Hardy (Anjo), Olivia Munn (Psylocke) e Kodi Smit-McPhee (Noturno) também estão no elenco.

X-Men: Apocalipse estreia em 27 de maio de 2016. Bryan Singer dirige a partir do roteiro de Simon Kinberg, Mike Dougherty e Dan Harris.

James McAvoy e Daniel Radcliffe em nova imagem de Victor Frankenstein

A 20th Century Fox (via EW) revelou uma nova imagem de James McAvoy e Daniel Radcliffe em Victor Frankenstein, nova adaptação do clássico de Mary Shelley. Veja abaixo!

Contada a partir da perspectiva de Igor (Daniel Radcliffe), vemos origens obscuras do conturbado jovem assistente, sua amizade redentora com o jovem estudante de medicina Viktor Von Frankenstein (James McAvoy), e que se tornam testemunhas oculares do surgimento de como Frankenstein se tornou o homem – e a lenda – que conhecemos hoje.

Jessica Brown Findlay, Andrew Scott, Mark Gatiss e Freddie Fox também estão no elenco.

Victor Frankenstein estreia em 02 de outubro. Paul McGuigan  dirige a partir do roteiro de Max Landis (Poder Sem Limites).

poltrona_victor-frankenstein_03jul15