30 anos de Highlander | Conheça algumas curiosidades do clássico filme

Em 07 de março de 1986, estreava nos cinemas estadunidenses Highlander – O Guerreiro Imortal, um longa que com o passar dos anos se tornou um clássico cult. Além da premissa interessante,  Connor MacLeod, um imortal guerreiro escocês do século XVI, o filme também ficou marcado pela inesquecível trilha sonora da banda Queen.

Para comemorar os 30 anos do lançamento de Highlander, selecionamos algumas curiosidades sobre o filme.

O começo

O roteiro original de Highlander escrito por Gregory Widen era inicialmente uma tese na UCLA. O projeto, na época conhecido como Dark Knight, foi inspirado por uma viagem de Widen em um arsenal em Londres.
O lançamento do filme arrecadou apenas o valor tímido de US$ 6 milhões nos EUA e cerca de US$ 13 milhões no mercado internacional; no entanto, o eventual sucesso cult gerou quatro sequências, um filme de animação, duas séries de TV live-action e uma série animada.

Kurt Russell seria o protagonista

Enquanto Marc Singer era a escolha original para o papel de Connor MacLeod, Kurt Russell foi originalmente escalado para o papel, mas desistiu do projeto. Entre aqueles que também foram sondados: Mickey Rourke, Michael Douglas, Kevin Costner, Sting, Mel Gibson e Patrick Swayze.

Christopher Lambert

Christopher Lambert, de origem francesa, tinha mal aprendido a falar inglês antes de assinar para interpretar Connor MacLeod. O único outro filme de língua inglesa que tinha estado naquele momento era Greystoke: A Lenda de Tarzan e Lord of the Apes, onde falou apenas algumas palavras. Lambert trabalhou com um professor para desenvolver um sotaque que não podia ser fixado a um determinado país ou região do mundo.

Sean Connery

Além de seus filmes do James Bond, Juan Sanchez Villa-Lobos Ramirez é o único personagem que Sean Connery já interpretou em mais de um filme. Christopher Lambert é citado por ele como a principal razão para retornar em Highlander II. Além disso, todas as cenas de Connery tinham de ser filmadas dentro de uma semana devido à sua agenda. Ele tinha uma aposta com o diretor Russell Mulcahy que eles não iriam terminar em sete dias. Mulcahy ganhou a aposta.

Protagonista feminina

Brooke Adams, vista no clássico Os Invasores de Corpos, era a escolha original para o papel de Brenda Wyatt, mas ela recusou. Foi dito que Catherine Mary Stewart, de O Último Guerreiro das Estrelas, aceitou o papel, mas desistiu por razões não reveladas.

Rosanna Arquette, Jennifer Beals, Tanya Roberts, e Elisabeth Brooks foram consideradas para o papel, que acabou ficando com Roxanne Hart.

Lembram deles?

Lembram da cena de abertura, onde Connor MacLeod assiste a uma luta de wrestling? Uma das equipes são os fabulosos Freebirds: Terry Gordy, Michael Hayes e Buddy Roberts. Coincidentemente junto com o 30º aniversário de Highlander, Os Freebirds serão introduzidos no Hall da Fama do WWE em abril de 2016.

Clancy Brown quase deixou o filme

Clancy Brown quase recusou o papel do vilão Victor Kruger/Kurgan, preocupado que a sua alergia a maquiagem iria impedi-lo de usar as próteses necessárias no final do filme.

Virginia Madsen não desistiu de Highlander

Virginia Madsen fez o teste para o papel de Heather MacLeod no primeiro filme. Ela acabou interpretando o interesse amoroso de Connor, Louise Marcus, na sequência. Curiosidade que Heather não existia nos primeiros rascunhos do roteiro.

Queen e a trilha sonora

Embora as canções do Queen tornaram-se intimamente associadas com a franquia, eles não eram realmente a escolha original para a trilha sonora. David Bowie, Sting e Duran Duran foram considerados para fazer a trilha sonora. A banda de rock britânica Marillion, que tinha desfrutado um grande sucesso no Reino Unido em 1985 com seu álbum "Misplaced Childhood", recusou uma oferta para gravar a trilha sonora porque estavam ocupados em uma turnê mundial.

Queen originalmente iria gravar apenas uma canção, mas depois de ver imagens do filme, o grupo foi inspirado a escrever mais. Cada membro da banda tinha uma cena favorita e escreveram canções específicas para elas. Brian May escreveu "Who Wants to Live Forever" durante a volta para casa de táxi após ver o filme, e Roger Taylor usou a frase do filme "It's a kind of magic" como base para a canção-título final.

O reboot de Highlander

Um reboot de Highlander tem estado em desenvolvimento por algum tempo pela Summit Entertainment, detentora da Série Divergente. Mas a notícia mais recente é de mais de um ano. Em fevereiro de 2015, Dave Bautista (Guardiões da Galáxia) assinou para interpretar Victor Kruger/A Kurgan, embora não houve mais notícias - e ninguém escalado como Connor MacLeod. Ryan Reynolds inicialmente seria o protagonista, mas desistiu do projeto.

 

Clipe da clássica canção “Who Wants to Live Forever”

 

Fonte: IMDB