Ross Butler deixa Riverdale e novo ator deve ser escalado para o papel de Reggie!

Segundo o TVLine, os produtores do The CW decidiram escalar um novo ator para o papel de Reggie na segunda temporada de Riverdale devido a problemas na agenda do ator Ross Butler.

Nos adoramos o que Ross fez no papel de Reggie, mas por causa do seu comprometimento com outros projetos, nós não poderíamos usá-lo tanto quanto queríamos.” disse o criador da série Roberto Aguirre-Sacasa ao TVLine.

Na próxima temporada queremos mais Reggie na série — ele é o rival do Archie — e como Ross não poderia voltar para Riverdale, decidimos procurar por um novo Reggie.” complementou.

Ross Butler também participa da série 13 Reasons Why, da Netflix, que pode receber uma segunda temporada.

Jovens Titãs vai ganhar série em live-action para serviço de streaming da DC

Foi anunciado hoje (25) que o produtor das séries da DC no The CW, Greg Berlanti e Akiva Goldsman, estão juntado forças para uma série em formato live-action dos Jovens Titãs (Teen Titans), chamada Titans.

A nova série deverá ser lançada em uma plataforma digital (estilo Netflix) centrada exclusivamente nos títulos da DC e tem estreia para 2018.

Titans já havia recebido a encomenda de um piloto pelo canal TNT em 2014 com o roteiro de Akiva Goldsman juntamente com Marc Haimes. Depois de vários problemas, o canal decidiu não seguir em frente com o projeto.

Na série, Dick Grayson ressurge das sombras e se torna líder de um novo time de heróis que inclui Estelar, Ravena e outros.

Primeiras Impressões | Deuses Americanos pode não agradar a todos os públicos

Deuses Americanos é sem sombra de dúvida um dos melhores livros sobre mitologia já escrito, como foi falado em nossa resenha no Ler é Bom, Vai ! A trama possui momentos perturbadores e bizarros descritos à perfeição por Neil Gaiman. Logo que foi divulgado que a história seria adaptada em uma série de TV, os fãs ficaram ao mesmo tempo felizes e receosos por algo que não atingisse as mesmas expectativas da leitura, principalmente por conta dos tais momentos singulares. Uma coisa podemos garantir: quanto a isso vocês não irão se decepcionar!

Assistimos os quatro primeiros episódios da série e as opiniões entre a equipe não poderiam ser as mais diversas. Quem leu o livro (quem vos escreve) gostou e se surpreendeu com a veracidade das cenas e detalhes descritos nas cenas. Por outro lado, quem não leu achou confuso e até mesmo monótono em alguns momentos onde o absurdo predomina. Logo nos primeiros 30 minutos temos a clássica cena onde a deusa Bilquis – a Rainha de Sabá na Bíblia -, ingere homens através de sua vagina para sua adoração, e os diretores não economizaram em detalhes. Essas e outras situações são muito bem retratadas e satisfazem o leitor fã da obra original de Gaiman.

O personagem de Shadow (Ricky Whitle) ainda não me conquistou, assim como sua inspiração demorou alguns capítulos para cair nas graças do público. Shadow é um homem complexo e mesmo após chegarmos ao final temos dúvida de suas origens e personalidades. Whitle parece perdido diante de tanto conteúdo e personagens igualmente complicados, porém que marcam presença – como o caso de Ian McShane no papel de Wednesday. Shane interpreta exatamente aquilo que imaginei para Wednesday, com suas piadas irônicas, sarcasmo e principalmente carisma de sobra. O jeito mafioso do ator encaixou perfeitamente no lado mulherengo e sombrio do Deus, mascarando a personalidade apática de Shadow.

Assim como no livro, não podemos reclamar do detalhamento e dos efeitos pra produção de Deuses Americanos, que utiliza de todos os recursos possíveis para trazer o espectador para dentro das cenas. Seja chuva de sangue ou um passeio psicodélico pela tecnologia, a qualidade da exibição está ao nível do roteiro original – excelente. É a fórmula perfeita para algo de sucesso, mas que talvez não seja atrativa para quem chegou agora. A história parece partir do princípio que você já leu o livro e está apenas vendo seu conteúdo exposto nas telas, não se esforçando para explicar melhor todo o rebuliço que está acontecendo. Ainda não sabemos o que vem por aí, mas a existência do episódio 4 já parece ser uma espécie de “localizador” para quem ainda não conhece a história de Laura (Emily Browning) e pode ter perdido o fio quando tudo foi revelado.

Independente do resultado, não há como negar que as expectativas para Deuses Americanos são as mais altas possíveis e vai depender de cada um serem positivas ou negativas. A série tem fotografia e feitos visuais incríveis e um elenco tão enigmático quanto os personagens que representam. Nos resta esperar para ver o rumo que a trama irá tomar a partir do episódio 4 e torcer para que o trabalho de Gaiman seja honrado com a qualidade que merece. Tudo agora está na mão da emissora responsável pelo programa, a Starz.

Sindicato de Roteiristas de Hollywood votam a favor de uma greve, que pode começar em maio

Segundo informações da Variety, 96% dos membros do Sindicato de Roteiristas de Hollywood votaram a favor de uma greve, que deve começar no próximo dia 02 de maio.

Reuniões com a  estúdios e com a Aliança dos Produtores  (Alliance of Motion Picture and Television Producers – AMPTP) já estão acontecendo, mas sem um acordo ainda. Entre algumas exigências do Sindicato, estão a melhoria na remuneração e a insatisfação por cortes de planos de saúde por parte da Aliança dos Produtores.

Caso a greve seja aprovada, os efeitos serão semelhantes à última paralisação que ocorreu entre 2007 e 2008, que obrigaram muitas séries a encurtarem seus episódios ou entrarem em hiato por tempo indeterminado como 24 Horas, Prison Break, Supernatural, Smallville, Lost, entre outros.

Feud | Segunda temporada começará com o divórcio de Diana e Charles

A segunda temporada da série Feud será focada no Príncipe Charles e na Princesa Diana, e começa logo com o divórcio e termina com a trágica morte de Diane, de acordo com Ryan Murphy.

A próxima é sobre Charles e Diana“, confirmou Murphy no evento do FX em Los Angeles. “Começaremos a gravar no outono e estou buscando os atores para Charles e Daiana.“, informou Murphy, que também é mente por trás de American Horror Story.

Em 30 de agosto de 1997, Diana foi morta em um acidente de carro dentro do túnel da Ponte de l’Alma, em Paris, na França, acompanhada de seu então namorado, Dodi Al-Fayed, e com o motorista, Henri Paul. O segurança de Fayed foi o único sobrevivente do acidente.

Acho que ter uma série chamada Feud é interessante,” disse Murphy, “Adoro quando a Kathy Bates diz que feuds são sobre dores. Então a história de Charles e Diana começa com o preenchimento dos papéis do divórcio“, complementou.

A segunda temporada de Feud ainda não tem previsão de estreia.

General Zod estará no último episódio da 2ª temporada de Supergirl

Segundo informações do Comicbook.comMark Gibbon (The 100, Falling Skies, Once Upon a Time) foi escalado para interpretar o vilão General Zod no último episódio da 2ª temporada de Supergirl.  O ator já foi visto no set usando o traje característico do personagem. Ainda não há informações de como Zod chegará a National City.

Será a segunda adaptação do vilão para a TV. Callum Blue interpretou o personagem na série Smallville. No cinema, Terence Stamp (Superman, Superman II) e Michael Shannon (O Homem de Aço) viveram o icônico algoz do Superman.

Supergirl retorna com novos episódios em 24 de abril nos EUA. A série está sendo exibida no Brasil pela Warner Channel.

Waco | Melissa Benoist se junta ao elenco da minissérie inspirada em fatos

Melissa Benoist (Supergirl) e Julia Garner (As Vantagens de Ser Invisível) estão se juntando ao elenco da minissérie em seis partes intitulada Waco. As informações são do ComingSoon.

A série estreia na Paramount Network em 2018 e é produzida pela Weinstein Television. A série é baseada na história real da invasão de uma seita religiosa em Waco, no Texas, que terminou em um massacre em 1993. Os episódios seguem várias perspectivas de ambos os lados do conflito.

Benoist interpretará Rachel Koresh, a esposa do líder religioso David Koresh. Garner interpretará Michelle Jones, a irmã mais nova de Rachel, que também teve um filho com Koresh.

Michael Shannon, Taylor Kitsch, John Leguizamo, Andrea Riseborough, Rory Culkin, Paul Sparks e Shea Whigham também estão no elenco.

Waco foi escrita por John Erick DowdleDrew Dowdle (No Escape), Salvatore Stabile e Sarah Nicole Jones. Quatro episódios serão dirigidos por John Erick Dowdle e dois serão dirigidos por Dennie Gordon.

Netflix divulga as primeiras imagens da 5ª temporada de House of Cards

A Netflix divulgou hoje (21) as primeiras imagens da 5ª temporada de House of Cards. Veja na galeria abaixo!

No novo ano da série,  Francis Underwood (Kevin Spacey) e Claire Underwood (Robin Wright), que sempre foram o mais forte aliado um do outro, mostram rachaduras em seu relacionamento.

Melissa James GibsonFrank Pugliese são os showrunners da temporada cinco e também produtores executivos junto a​ David Fincher, John Mankiewicz, Daniel Minahan, Kevin Spacey, ​Joshua Donen, Dana Brunetti, ​Eric Roth, Robin Wright​, Michael Dobbs e Andrew ​Davies. A criação para a TV é de Beau Willimon.

A 5ª temporada de House of Cards estreia em 30 de maio (terça-feira) somente para os assinantes da Netflix.

The Wheel of Time | Sony vai adaptar série de livros para a televisão

De acordo com a Variety, a Sony Pictures Television está desenvolvendo uma série de TV sobre The Wheel of Time, sequência de 14 romances de fantasia escritas por Robert Jordan. Publicados entre 1990 e 2013, o último romance A Memory of Light (2013) foi finalizado por Brandon Sanderson, depois da morte de Jordan em 2007.

Rafe Judkins, conhecido por trabalhar na séries Agents of SHIELD, Hemlock Grove e Chuck será o roteirista e produtor executivo. Sony vai produzir em parceria com a Red Eagle Entertainment e Radar Pictures.

A história segue um grupo de personagens liderados por Rand al’Thor na busca pelo Dragon Reborn (O Dragão Renascido).

FOX encomenda mais 10 novos episódios de Arquivo X

A FOX anunciou hoje que encomendou 10 episódios para a 11ª de Arquivo X (X-Files).

David DuchovnyGillian Anderson reprisarão seus papeis como os agentes do FBI Mulder e Scully, respectivamente. O criador da série Chris Carter, retornará como showrunner e produtor executivo.

As filmagens da nova temporada devem começar durante o verão americano e a estreia pode acontecer entre 2017 e 2018.

Arquivo X fez sua estreia em 1993 e ficou no ar até 2002, se tornando uma clássico do gênero sci-fi. Em 2016, a FOX decidiu retornar com a trama e encomendou seis episódios.

HBO libera imagens da sétima temporada de Game of Thrones

Como parte da divulgação da próxima temporada de Game of Thrones, a HBO liberou novas fotos no site Making Game of Thrones.

Todo mundo vestindo muitas roupas, afinal, o inverno finalmente chegou. Podemo observar também algumas dicas de localização dos personagens, como o que aparenta ser a chegada de Daenerys (Emilia Clarke) em Pedra do Dragão (ou seja, em Westeros) e uma Arya (Maisie Willians) bem vestida, quem sabe já no Norte. Confira:

A sétima temporada estreia dia 16 de julho de 2017.

Ela está de volta! Assista ao primeiro trailer da 3ª temporada de Unbreakable Kimmy Schmidt

A Netflix divulgou o primeiro trailer da terceira temporada de Unbreakable Kimmy Schmidt, que traz Ellie Kemper de volta à personagem título.

Na trama, Kimmy encontra-se em uma posição desconhecida com o Reverendo de volta em sua vida. Titus retorna de seu cruzeiro e audições para um novo papel emocionante. Lillian tem que romper com seu namorado Robert Durst.

Todos os 13 episódios da terceira temporada de Unbreakable Kimmy Schmidt estarão disponíveis em 19 de maio na Netflix.