Michael Shannon lidera a lista para o papel de Cable na sequência de Deadpool

Michael Shannon, que fez o vilão em O Homem de Aço, pode viver Cable em Deadpool 2.

Segundo fontes ligadas ao The Hollywood Reporter, Shannon não é o único ator na lista do estúdio, mas está liderando a preferencia dos envolvidos. David Harbour, de Stranger Things, também está concorrendo ao papel.

Ainda tem mais, Michael Shannon assinou recentemente para estrelar o filme independente What They Had e as filmagens começam durante a primavera, o que poderia ser o principal motivo para que o ator não fosse o escolhido por motivos de conflito na agenda.

Será ‘possivelmente’ o terceiro filme baseado em quadrinhos em que o ator participaria, sendo os dois primeiros: Jonah Hex – Caçador de Recompensas e O Homem de Aço, onde interpretou o General Zod.

A sequência de Deadpool está atualmente em pré-produção e tem roteiro de Paul WernickRhett Reese com direção de David Leitch.

Deadpool 2 ainda não tem data de estreia.

 

Death Note | Filme live-action da Netflix ganha primeiro teaser trailer

A Netflix acaba de divulgar o primeiro traser trailer da adaptação live-action do conhecido anime Death Note.

Nat Wolff (Cidades de Papel) , Margaret Qualley (The Lefovers), Keith Stanfield (War Machine) Paul Nakauchi (Alpha and Omega),  Shea Whigham (Agent Carter, Boardwalk Empire) e Willem Dafoe (Homem-Aranha) estão no elenco.

Death Note, que foi criado por Tsugumi Ohba e Takeshi Obata, mostra a história do jovem estudante Light Yagami e sua vida entediante. Isso muda quando ele encontra um estranho caderno entitulado de Death Note, o qual é capaz de matar somente escrevendo o nome da vítima. Após testá-lo, Light começa a aplicar uma espécie de “punição divina” aos criminosos.

Com direção de Adam Wingard, a adaptação tem roteiro de Jeremy Slater (Quarteto Fantástico) e produção executiva de Roy Lee, Dan Lin, Jason Hoffs e Masi Oka.

Death Note ainda não tem data de estreia.

Princesas da Disney podem ganhar filme no estilo de Os Vingadores

O quão estranho e maravilhoso parece esse título? Acredite ou não, ele pode se tornar verdade!

O site Screen Rant divulgou o rumor de que a Disney estaria pensando em criar um filme composto por suas princesas em uma única aventura. Recebendo o nome de Princesses, o longa seria dirigido por Joachim Rønning ( o mesmo de “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar”) e a única coisa em seu caminho seria um estúdio disposto a assumir o roteiro.

Ainda não foram divulgados mais detalhes sobre a trama, mas pode-se comparar a produção com Os Vingadores e Liga da Justiça. O roteiro foi escrito por Nir Paniry e até mesmo a Disney está considerando financiar o projeto.

 

Power Rangers | Elenco da série original estará presente na premiere do novo filme

O novo filme dos Power Rangers terá sua premiere amanhã (22) nos EUA e a Lionsgate promete o encontro de gerações. O elenco da série original Austin St. John (Jason), Amy Jo Johnson (Kimberly), David Yost (Billy), Walter Jones (Zack) e Jason David Frank (Tommy) estarão no red carpet junto com os atores da nova versão Dacre Montgomery (Jason, o Ranger Vermelho), RJ Cyler (Billy, o Ranger Azul), Naomi Scott (Kimberly, a Ranger Rosa), Becky Gomez (Trini a Ranger Amarela) e  Ludi Lin (Zack, o Ranger Preto). As informações são do Mega Power Brasil.

O evento será transmitido nas redes sociais do site oficial do filme. Acompanhem no Poltrona Nerd.

Power Rangers segue cinco jovens comuns do ensino médio que devem se tornar algo extraordinário quando eles aprendem que a sua pequena cidade Alameda dos Anjos – e o mundo – estão à beira de ser obliterado por uma ameaça alienígena. Escolhido pelo destino, os nossos heróis descobrem rapidamente que eles são os únicos que podem salvar o planeta. Mas, para isso eles terão que superar seus problemas da vida real e se unir como os Power Rangers antes que seja tarde demais.

O criador original Haim Saban será o produtor do novo filme, juntamente com Brian Casentini e Allison Shearmur.

Com direção de Dean Israelite e roteiro de Ashley Miller e Zack Stentz (X-Men: Primeira Classe), os novos Power Rangers irão morfar em 23 de março.

A Bela e a Fera não terá uma continuação, mas um derivado pode acontecer

A Bela e a Fera da Walt Disney Pictures quebrou o recorde de bilheteria de março com uma abertura de $ 174,8 milhões e está bem perto de ultrapassar a marca de $ 400 milhões. Com esses tipos de números, a Disney já pode pensar em uma sequência, mas de acordo com o presidente da produção Sean Bailey, isso não está nos planos. As informações são do Deadline.

No entanto, eles estão dispostos a explorar o universo com um possível filme derivado, de acordo com Bailey. Mas, o estúdio está com o pé atrás depois do recente fracasso com Alice Através do Espelho, continuação de Alice No País das Maravilhas. Mesmo assim, Mogli – O Menino Lobo terá uma continuação, assim como Malévola. Segundo o artigo, o estúdio não quer apressar as coisas.

A Bela e a Fera é uma releitura do clássico da animação do estúdio, que recria os personagens clássicos do conto para um público contemporâneo, mantendo-se fiel à música original, atualizando com várias novas canções. A Bela e a Fera é a fantástica jornada de Bella (Emma Watson), uma jovem brilhante, bonita e independente que é tomada prisioneira por uma fera (Dan Stevens) em seu castelo. Apesar de seus medos, ela faz amizade com a equipe encantada do castelo e aprende a olhar para além do exterior horrível da Fera e perceber o tipo de coração e alma do verdadeiro Príncipe ali dentro.

A Bela e a Fera estreou em 16 de março. Bill Condon dirige a partir do roteiro de Evan Spiliotopoulos, reescrito por Steve Chbosky.

Crítica | A Bela e a Fera é mágico e retrata de forma esplêndida o clássico de Walt Disney

Em São Paulo, diretor de Fragmentado afirma já estar escrevendo sequência do filme!

MNight Shyamalan está no Brasil para o lançamento de seu novo filme, Fragmentado, e em entrevista coletiva nesta terça-feira, em São Paulo, afirmou já estar preparando a sequência do longa, que só nos Estados Unidos arrecadou mais de 140 milhões de dólares até agora.

O diretor de O Sexto Sentido disse que a ideia de Fragmentado já é antiga, “ele (personagem) estava planejado para um outro filme e sempre achei esse distúrbio (de múltiplas personalidades) fascinante”. No filme, Kevin, brilhantemente interpretado por James McVoy, é um homem que sofre do transtorno de múltiplas personalidades e tem a consciência partida em 23 identidades e o perigo está na 24ª, que insiste em surgir.

Para o diretor. o mundo anda sombrio, o que faz com que histórias como a de Fragmentado façam mais sentido do que nunca. “Hoje o mundo está pronto para essas histórias, ele está num lugar muito estranho”. Segundo Shyamalan, um sinal dos novos tempos são os heróis do cinema atual: “Jack Sparrow, de Piratas do Caribe, e Tony Stark, de Homem de Ferro, um beberrão e um mulherengo”.

No suspense as identidades mais agressivas de Kevin acabam tomando o controle, o que o leva a sequestrar três adolescentes, dando início a uma tensão avassaladora do início ao fim, claro, com o já habitual plot twist (virada de cena surpreendente) do diretor. Mas também há espaço para pequenos momentos de alívio cômico, “talvez seja essa minha obsessão por David Lynch”, diverte-se o diretor.

Ele deixa claro que a intenção é mostrar o potencial que a mente humana pode adquirir, como em Lucy ou Sem Limites que tratam dessa temática, mas em Fragmentado o foco é no psicológico. “Soa como ficção (o distúrbio), mas não é. O corpo reage à identidade e a mente fica conectada  a ela. Ele (personagem) não está fingindo ser outra pessoa, ele é”.

Assim, Shyamalan abre espaço para elogiar o trabalho de McAvoy, “ele não teve medo, foi incrível, criou empatia para cada um de suas personalidades, trabalhou uma identidade por dia e se comprometeu 100 %“.

O cineasta que já está escrevendo uma sequência para o filme, afirmou que agora há duas audiências para o longa, “os mais velhos vão se identificar com a cena final e vibrar, enquanto os mais novos não vão entender inicialmente, mas vão atrás da referência”.

Fragmentado estreia nesta quinta-feira, 23 de março.

DVDs e Blu-Rays: Lançamentos da Semana – 10 e 17 de Março

Esta semana grandes filmes chegam as lojas de todo o país pelas principais distribuidoras do cinema mundial: Sony Pictures, Fox Home Entertainment, Walt Disney e Imagem Filmes.

Um dos filmes indicado ao Oscar 2017 de Melhor Filme, “A Chegada” estrelado por Amy Adams, Jeremy Renner e Forest Whitaker chega as lojas em dois formatos: DVD e Blu-Ray, a Sony Pictures apresenta “Ta Dando Onda 2” com lançamento previsto para o dia 08 de Março.

A FOX Home Entertainment lança no mercado de Home Vídeo uma das animações de maior sucesso de 2016 “Trolls” com a dublagem de Justin Timberlake e Anna Kendrick, um dos filmes mais esperado do ano chega finalmente as lojas, a Walt Disney apresenta “Doutor Estranho” que conta um elenco de primeira que inclui: Benedict Cumberbatch, Chiwetel Ejiofor, Rachel McAdams e Tilda Swinton.

A Imagem FIlmes lança no país o romance “Fallen” estrelado por Addison Timlin, Jeremy Irvine e Harrison Gilbertson, o drama “Michelle e Obama” conta a história de um dos casais mais emblemáticos da politica americana com os atores Parker Sawyers e Tika Sumpter.

Confira a seguir os principais lançamentos:

A Chegada

Sinopse: Quando seres interplanetários deixam marcas na Terra, a Dra. Louise Banks (Amy Adams), uma linguista especialista no assunto, é procurada por militares para traduzir os sinais e desvendar se os alienígenas representam uma ameaça ou não. No entanto, a resposta para todas as perguntas e mistérios pode ameaçar a vida de Louise e a existência de toda a humanidade.

Distribuidora: Sony Pictures
Data de Lançamento: 08/03/2017
Edições: DVD e Blu-Ray

Tá Dando Onda 2

Sinopse: Cadu Maverik é um pinguim surfista que gosta de viver altas aventuras. Disposto a iniciar uma longa jornada em busca de uma praia que tem fama de ter as maiores de todo o mundo, o jovem vai convencer o grupo de marombados The Hang 5 a acompanhá-lo.

Distribuidora: Sony Pictures
Data de Lançamento: 08/03/2017
Edições: DVD

Trolls 

Sinopse: Quando o vilarejo dos Trolls é invadido pelos rabugentos Bergens, dois amigos desajustados precisam trabalhar juntos e em perfeita harmonia para salvar o dia. Apresentando canções famosas nas vozes de Justin Timberlake, Anna Kendrick, entre outros, “Trolls” foi aclamado pela crítica como o filme mais bem-humorado e revigorante do ano!

Extras:

 

Exibir O Filme Com O Cante Com A Gente
Uma Viagem Pela Vila Troll
Poção Para O Stop-Motion
Criando A Magia Troll
Clipe Musical “get Back Up Again”
Clipe Musical “hair Up”
Cenas Excluídas
O Mundo De Animação Da Dreamworks

Distribuidora: Fox Home Entertainment
Data de Lançamento: 09/03/2017
Edições: DVD e Blu-Ray

Doutor Estranho 

Sinopse: Em Doutor Estranho da Marvel, um neurocirurgião mundialmente famoso procurando por cura, encontra uma magia poderosa em um misterioso lugar conhecido como Kamar-Taj – a linha de frente de uma batalha contra invisíveis forças negras empenhadas em destruir nossa realidade.

Extras do Blu-Ray:

Comentários em Áudio do Diretor Scott Derrickson
Filme com Introdução • Cenas Inéditas e Estendidas
Um Olhar Exclusivo sobre a Fase 3 da Marvel Studios
Time Thor: Parte 2
Erros de Gravação
Especiais: Uma Estranha Transformação – Estranha Companhia – O Tecido da Realidade – Através do Tempo e do Espaço – A Trilha Suprema

Distribuidora: Walt Disney
Data de Lançamento: 08/03/2017
Edições: DVD , Blu-Ray e Blu-Ray 3D

Fallen

Sinopse: Responsabilizada pela misteriosa morte de seu namorado, Lucinda Price (Addison Timlin) vai para um reformatório. Em Sword & Cross ela se aproxima de Daniel Grigori (Jeremy Irvine), sem saber que ele é um anjo apaixonado por ela há milênios, e também não consegue se manter afastada de Cam Briel (Harrison Gilbertson), outro que luta há tempos por seu amor.

Distribuidora: Imagem Filmes
Data de Lançamento: 16/03/2017
Edições: DVD e Blu-Ray

Michelle e Obama

Sinopse: Barack Obama (Parker Sawyers), calouro da faculdade de Direito de Harvard, consegue um emprego temporário em um escritório de Chicago ficando sob as ordens da jovem advogada Michelle Robinson (Tika Sumpter). Depois de muito relutar, Michelle aceita o convite de Obama para um passeio que irá marcar sua vida e servir de inspiração para toda uma geração.

Distribuidora: Imagem Filmes
Data de Lançamento: 16/03/2017
Edições: DVD

 

 

Crítica | Fragmentado é a volta por cima de M. Night Shyamalan

M. Night Shyamalan surgiu sob a alcunha do diretor da nova geração depois dos formidáveis O Sexto Sentido (1999) e Corpo Fechado (2000). Contudo, Hollywood é traiçoeira. Da mesma forma que te coloca no topo, te derruba feio. Shyamalan sofreu com isso com as produções seguintes, que foram até boas como Sinais (2002) e A Vila (2004). Com o passar dos anos, ele ficou marcado apenas como o cineasta dos plot twists (as viradas de cena que surpreendem nos atos finais).

Depois do ótimo A Visita (2015), que reafirma o diretor com um dos melhores do gênero thriller, Fragmentado é a sua volta por cima. Um filme surpreendente que trabalha com eficiência drama, comédia e terror e, com um twist para deixar os espectadores de queixo caído.

A trama é centrada em Kevin (James McAvoy ), um portador de 23 personalidades distintas que tem capacidade de alterar sua química corporal por meio do pensamento e passa a agir de maneira incontrolável. Mas conforme aprendemos ao longo do filme, existe uma 24ª identidade que ameaça emergir. Essa identidade é “a besta”, e ela tem fome por carne humana que o define como “alimento sagrado”. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

O filme possui três narrativas. A primeira, que serve de pano de fundo para o filme, segue o rapto das três adolescentes nas mãos de uma das personalidades atormentadas de Kevin. O segundo segue a relação de Kevin com sua psiquiatra Dr. Fletcher (Betty Buckley), que revela o paciente estar demonstrando sinais preocupantes de instabilidade, apesar de seu progresso de longa data. A terceira, e mais importante, segue a adolescente raptada Casey (Anya Taylor-Joy), em flashbacks de infância onde seu pai a ensinou a ser uma sobrevivente e seu tio a distorceu com a realidade mais cruel e sinistra da vida.

Shyamalan é eficaz em mostrar os dois lados de pessoas que sofreram abuso. Kevin e Casey são faces da mesma moeda. Ambos guardam sequelas, mas seguiram caminhos diferentes. Kevin criou as 24 personalidades, enquanto Casey se tornou uma garota anti-social. Não é a toa, que Kevin por meio de uma das personalidades sente uma conexão com a garota.

Como já de costume em obras do diretor, Fragmentado parece ser um filme de garotas tentando escapar de um homem perigoso. Mas, as viradas sutis logo mostram que a história tem muito mais para entregar. O filme também consegue trabalhar o humor de maneira eficiente. Cenas divertidas distraem, deixam o público relaxado. Com isso, as cenas assustadoras causarão maior impacto no espectador. M. Night Shyamalan repete a mesma fórmula de A Visita com humor e terror, mais uma vez se saindo bem.

Fragmentado não funcionaria sem um ator do calibre de McAvoy, que dá um show. O ator consegue apresentar com eficiência cada personalidade alternando do divertido para assustador apenas com nuances sutis. O britânico com cara de bom moço está irreconhecível e realiza um dos grandes trabalhos da carreira.

Apesar dos excessos em seu ato final que pode se resumir em uma mistura de Dragão Vermelho, Identidade e, estranhamente, Jurassic Park, M. Night Shyamalan incorpora esses momentos de forma orgânica, reverente e visceral. Ao final, Fragmentado é um dos filmes mais pensativos e o melhor do cineasta em anos. Aquele filme que te deixará reflexivo após o surpreendente final.

Ps.: O filme continua durante os créditos finais. Fiquem atentos. 

Reboot de Dr. Dolittle terá Robert Downey Jr. como protagonista

Robert Downey Jr. será o novo Dr. Dolittle, clássico personagem de uma série de livros infantis escritos nos anos 20 por Hugh Lofting. O próximo filme do personagem será The Voyage of Doctor Dolittle (A Viagem de Dr. Dolittle em tradução livre). A direção e roteiro ficaram por conta de Stephen Gaghan, conhecido por seus trabalhos em SyrianaTraffic.

Dr. Dolittle já foi interpretado por dois atores no cinema. Primeiro, um muical de 1967 trazia Rex Harrison como protagonista. Depois em 1998, Eddie Murphy viveu o personagem em três filmes.

A Bela e a Fera bate recorde em bilheteria do mês de março

Como já esperado, a estreia de A Bela e a Fera no último final de semana trouxe ótimos números para a Walt Disney Pictures. O live-action estrelado por Emma Watson atingiu o sonhado $170 milhões no território estadunidense. Com isso, o filme superou a marca de Batman vs Superman (US$ 166 milhões) como a maior estreia do mês de março e se tornou o musical de maior sucesso da história do cinema.

Com os $180 milhões em território internacional, A Bela e a Fera já soma $350 milhões no mundo. Já é quase a marca da versão animada de 1991, que conseguiu $375 milhões no mundo.

O novo filme é uma releitura do clássico da animação do estúdio, que recria os personagens clássicos do conto para um público contemporâneo, mantendo-se fiel à música original, atualizando com várias novas canções. A Bela e a Fera é a fantástica jornada de Bella (Emma Watson), uma jovem brilhante, bonita e independente que é tomada prisioneira por uma fera (Dan Stevens) em seu castelo. Apesar de seus medos, ela faz amizade com a equipe encantada do castelo e aprende a olhar para além do exterior horrível da Fera e perceber o tipo de coração e alma do verdadeiro Príncipe ali dentro.

A Bela e a Fera estreou em 16 de março. Bill Condon dirige a partir do roteiro de Evan Spiliotopoulos, reescrito por Steve Chbosky.

Crítica | A Bela e a Fera é mágico e retrata de forma esplêndida o clássico de Walt Disney

Manhattan de cabeça pra baixo no novo cartaz de A Torre Negra

A Sony Pictures divulgou o novo pôster de  A Torre Negra, adaptação ao cinema da obra literária de Stephen King. A arte mostra a cidade de Manhattan de cabeça pra baixo!

A trama segue Roland Deschain (Idris Elba), um pistoleiro que percorre o mundo apocalíptico em busca da famosa Torre Negra, prédio mágico que está prestes a desaparecer.

Matthew McConaughey (Randall Flag, O Homem de Preto), Tom Taylor (Jake Chambers), Jackie Earle Haley (Sayre) e Abbey Lee (Tirana), Fran Kranz (Pimli, o braço direito do Homem de Preto), Jackie Earle Haley, Claudia Kim e Katheryn Winnick também estão no elenco.

A Sony Pictures e MRC estão co-financiando o projeto produzido por Ron Howard, Brian Grazer e Erica Huggins pela Imagine Entertainment. A adaptação envolve vários filmes e uma série de TV.

A Torre Negra estreia em 28 de julho. Nikolaj Arcel (O Amante da Rainha) dirige o longa a partir do roteiro de Akiva Goldsman e Jeff Pinkner.

Novo Matrix não será reboot ou remake, esclarece roteirista

Dias depois da informação que a Warner Bros. Pictures está desenvolvendo um novo filme da franquia Matrix, muito se questionou se era necessário um reboot ou remake da saga de Neo. O roteirista Zak Penn (Os Vingadores, X-Men: o Confronto Final) confirmou no Twitter que o filme será uma nova história dentro do universo já visto na trilogia.

“Tudo o que posso dizer no momento é que ninguém poderia ou deveria rebootar Matrix. Pessoas que conhecem Animatrix e os quadrinhos entendem. Não é possível comentar ainda, exceto para dizer que as palavras ‘reiniciar’ e ‘remake’ foram de um artigo. Vamos parar de responder a notícias imprecisas. Eu quero ver mais histórias no universo de Matrix? Sim. Porque é uma ideia brilhante que gera grandes histórias”, disse Penn.

As irmãs Wachowski, que dirigiram a trilogia, não terão envolvimento neste novo filme. Zak Penn (Os Vingadores, X-Men: o Confronto Final) deve assumir o roteiro do reboot.

Lançado em 1999, Matrix ganhou duas sequências em 2003: Matrix Reloaded e Matrix Revolutions. A trama original acompanha Neo (Keanu Reeves), um jovem programador atormentado por estranhos pesadelos nos quais sempre está conectado por cabos a um imenso sistema de computadores do futuro. À medida que o sonho se repete, ele começa a levantar dúvidas sobre a realidade. E quando encontra os misteriosos Morpheus (Laurence Fishburne) e Trinity (Carrie‑Anne Moss), ele descobre que é vítima do Matrix, um sistema inteligente e artificial que manipula a mente das pessoas e cria a ilusão de um mundo real enquanto usa os cérebros e corpos dos indivíduos para produzir energia.

Alicia Vikander irá caçar monstros no filme Freakshift

Segundo informações do DeadlineAlicia Vikander (A Garota Dinamarquesa) irá estrelar Freakshift, novo filme de Ben Wheatley (High-Rise, Free Fire).

Primeiro anunciado em 2012, o thriller de ação é ambientado em um mundo onde monstros se erguem do chão e aterrorizam os cidadãos quando a noite cai. O Freakshift é um bando de desajustados organizados pelo governo e criminosos da lei que caçam e matam as criaturas por dever cívico, esporte e dinheiro.

As filmagens estão previstas para agosto quando Vikander terminar seu trabalho no reboot de Tomb Raider.

Escrito por Amy Jump, Freakshift ainda não tem previsão de estreia.

James Gunn confirma Michael Rosenbaum no elenco de Guardiões da Galáxia Vol.2

Durante a participação no programa The Adam Corolla Show, o diretor James Gunn confirmou uma novidade no elenco de Guardiões da Galáxia Vol.2.

Michael Rosenbaum, o Lex Luthor da série Smallville, viverá um personagem misterioso do universo Marvel.

“Temos alguns personagens muito importantes do universo Marvel que farão sua estreia em Guardiões da Galáxia Vol. 2 sem o público saber. Sylvester Stallone é um deles. Meu amigo Michael Rosenbaum também tem um papel bem decente no filme e funciona junto com o de Sly”, disse o diretor.

A trama continua as aventuras da equipe, enquanto atravessam os confins do cosmos. Os Guardiões devem lutar para manter sua família recém-descoberta juntos, enquanto eles desvendam os mistérios da verdadeira paternidade de Peter Quill. Antigos inimigos se tornam novos aliados e personagens favoritos dos fãs dos quadrinhos clássicos virão ajudar os nossos heróis, enquanto o universo cinematográfico Marvel continua a se expandir.

Chris Pratt (Peter Quill/Senhor das Estrelas); Zoe Saldana (Gamora); Dave Bautista (Drax); Vin Diesel (voz do Groot); Bradley Cooper (voz do Rocket); Michael Rooker (Yondu); Karen Gillan (Nebula); e Sean Gunn (Kraglin) reprisam seus papeis. As novidades no elenco são Pom Klementieff (Oldboy), Elizabeth Debicki (Evereste), Chris Sullivan (da série The Knick) e Kurt Russell (Os 8 Odiados).

Guardiões da Galáxia Vol. 2 estreia em 27 de abril no Brasil. A continuação é novamente dirigida e escrita por James Gunn.